produtos para revendedora vender

Como ganhar dinheiro sendo revendedora

Ser revendedora é um ótimo negócio, seja para complementar a renda familiar, ou até para ser a sua principal fonte de renda.

Na atual situação do país, com uma crise que parece não ter fim, ganhar dinheiro tem sido uma luta imensa, pelo menos para alguns dos brasileiros.

Uma das melhores alternativas hoje no mercado é ser uma revendedora. Na verdade, não é só uma alternativa para tempos de crise. Ser revendedora é sim, um ótimo negócio, seja para complementar a renda familiar, ou até para ser a sua principal fonte de renda.

Para isso, é fundamental você ter um espírito de empreendedor. Você precisa dispor de capacidade para idealizar e coordenar os seus negócios. E não precisa ser inovador, afinal de contas, ganhar dinheiro sendo revendedora não é uma novidade, já é uma realidade.

Pode-se muito bem trabalhar com revenda de produtos que já existem no mercado, mas dando a sua cara para o negócio.

Os benefícios de ser uma revendedora autônoma

São várias as vantagens de se tornar uma revendedora autônoma, mas, para ficar nos principais, vamos citar 4 benefícios em trabalhar com revenda:

Abrir o negócio com pouco dinheiro

Primeiramente, podemos destacar que, para ganhar dinheiro sendo revendedora, você não precisa de um investimento inicial muito alto, o que por si só, já é uma grande vantagem.

Sendo uma revendedora autônoma, você não tem gastos com matéria prima, fabricação, funcionários e encargos. Você conta com um parceiro que arca com todo esse ônus. Ou seja, você pode abrir o negócio com pouco dinheiro.

Ser dona do próprio negócio

Outro benefício, talvez o sonho de muitos trabalhadores, é poder ser a dona do próprio negócio. O que você não pode é achar que sendo a chefe de si mesma sua dedicação e comprometimento será menor, muito pelo contrário, seu empenho deve ser ainda muito maior.

Aí você pergunta: Por quê? E a resposta pode até vir com outra pergunta: Você quer ganhar dinheiro? Como revendedora você fará o seu salário, então, quanto mais você se dedicar e se empenhar no negócio, mais dinheiro você vai ganhar, simples assim.

Fazer seus próprios horários

Isso significa mais tempo para você, mais tempo para sua família. Com um bom planejamento você consegue otimizar o seu tempo.

Trabalhar com o que gosta

Poder escolher um nicho de mercado que tenha mais afinidade é outro benefício. Quando você trabalha com revenda de produtos que gosta, sua motivação e a produtividade tendem a serem maiores. Você não corre o risco de ir para o trabalho com pensamento negativo. Com aquele ar de: “puxa, de novo essa coisa chata! Já estou de saco cheio!”.

Escolhendo o segmento

Podemos citar várias opções de marcas para revender, mas o mais importante é escolher um segmento que você tenha familiaridade, que você goste, e que combine com você. Pode apostar, ganhar dinheiro com produtos que você acredita e confia, é muito mais fácil.

Na dúvida, escolha um segmento que combine com você, e opte por uma linha que você usaria. Assim, a probabilidade de sucesso no negócio é maior.

Aqui, nesse post, vamos especificar somente três:

Cosméticos em geral

Essa linha já possui várias empresas com fama no mercado. Trabalha com produtos para a pele, cabelo, boca, olhos, etc. Também perfumes e produtos de higiene pessoal entram nesse segmento.

Roupas e calçados

Nesse nicho há várias ramificações para explorar: trajes para festas de gala ou casamentos; roupas esportivas, para academia ou modalidades específicas; roupas para gestantes e lactantes; além de sapatos, tênis, sandálias, chinelos e botas.

Semijoias

Sem dúvida, um dos melhores segmentos para ganhar dinheiro sendo revendedora. O nicho de semijoias é um mercado em constante crescimento e que possui uma gama enorme de produtos para oferecer.

São brincos, pulseiras, anéis, colares, gargantilhas, braceletes, tornozeleiras, pingentes. E ainda com temas variados, como por exemplo, religiosos.

Você encontra nesse mundo de semijoia produtos de todo tipo, o que significa que você terá opções para qualquer ocasião, desde o dia a dia até para os eventos mais chiques. Ótima opção também para se presentear.

Tendo um leque maior de produtos em seu mostruário, a possibilidade de você vender é maior. Isso sem contar que a semijoia tem uma grande aceitação por parte das mulheres.

Outra vantagem de revender semijoias é o lucro. Por ter um preço mais acessível, a rotatividade é grande, e que, aliada com a margem de pelo menos 50%, confere uma renda excepcional. Há empresas sérias que vendem semijoias no atacado para revenda com ótimas opções.

A importância do bom planejamento financeiro

Como todo empreendedor sabe, conquistar sua independência financeira, uma maior estabilidade que seja, requer planejamento.

Veja algumas dicas de como fazer um bom planejamento financeiro:

Defina a margem de lucro

Faça pesquisa de mercado para avaliar o preço do seu produto em concorrentes, ou em relação a produtos similares. Esteja certa de que as vendas são necessárias para cobrir todas as despesas e ainda gerar lucro. Caso contrário, será preciso alterar sua margem.

Separe os gastos pessoais do negócio

Considerado um dos maiores erros no negócio próprio é misturar as contas. Faça retiradas mensais, como se fosse um funcionário, e utilize esse dinheiro para os gastos pessoais. As finanças para revendedoras precisam ser bem controladas e organizadas.

Tenha um controle de fluxo de caixa

O controle de tudo que vende, compra, gasta, recebe, é primordial para saber tudo sobre a saúde financeira do seu negócio. É essencial ter todas as informações em mãos para poder decidir onde direcionar o dinheiro. Na maioria das vezes, no próprio negócio.

Capriche na divulgação dos produtos

Para você ser visto, precisa de uma boa divulgação. O sucesso do seu negócio depende de quantas pessoas você consegue atingir. Nesse caso, quanto mais, melhor.

  • Invista nas redes sociais, que são ótimas ferramentas para expor seus produtos e comercializá-los.
  • Mande email marketing com frequência.
  • Faça eventos e bazares. Você pode ter sucesso organizando um bazar das amigas, por exemplo.

Resumindo, demonstramos ao longo desse post que é possível ganhar dinheiro sendo revendedora. Se você quiser conquistar a sua independência financeira, dependendo, inicialmente e exclusivamente de você mesma, seja uma revendedora autônoma hoje mesmo!

E se quiser saber mais sobre o tema, aproveite para ler o artigo ”Revender produtos é uma boa ideia?” e comece desde já a planejar o seu futuro!

Artigo produzido por Linda Bela.