funcionário respondendo pesquisa de clima organizacional

Como fazer pesquisa de clima organizacional

Trouxemos para o blog um conteúdo voltado inteiramente para a pesquisa de clima organizacional. Reunimos uma série de dicas e informações que o ajudarão a mensurar e monitorar a percepção que seus colaboradores têm em relação ao seu ambiente de trabalho.

Você já fez uma pesquisa de clima organizacional em sua empresa? Medir o nível de satisfação de seus funcionários, bem como a motivação que eles têm para exercerem sua função é, nos dias de hoje, uma estratégia imprescindível para o crescimento de um negócio.

O capital humano é um dos grandes diferenciais de uma empresa. Mas, para que os resultados sejam sempre positivos e as metas sejam superadas, é necessário que os colaboradores estejam se sentido bem em seu local de trabalho.

Por essa razão, trouxemos para o blog um conteúdo voltado inteiramente para a pesquisa de clima organizacional. Reunimos uma série de dicas e informações que o ajudarão a mensurar e monitorar a percepção que seus colaboradores têm em relação ao seu ambiente de trabalho.

Quer se informar melhor sobre o assunto? Continue atento à leitura!

Clima organizacional: por que você deve ficar atento a isso?

Por ser um fator que influencia diretamente nos resultados do negócio, o conceito de clima organizacional vem sendo cada vez mais discutido no meio corporativo.

Aliás, uma pesquisa desenvolvida pela Mckinsey descobriu que, em todo o mundo, a satisfação de um funcionário está mais relacionada a fatores não financeiros do que ao salário em si. Esse é um dado que revela que manter um funcionário motivado é uma missão mais complexa do que parece.

É possível pagar bons salários e ainda assim ter uma equipe que não se sente feliz com o trabalho e reclama de algum ponto específico do negócio, seja do chefe autoritário, da dificuldade de diálogo ou da alta carga de trabalho.

Isso acontece porque, via de regra, as pessoas têm mudado bastante o perfil nos últimos anos. Atualmente, há uma preocupação muito maior com a qualidade de vida do que com os ganhos financeiros.

Assim sendo, resta claro que um empreendedor deve manter-se atento a todos os fatores que possam afetar à motivação de seu grupo de trabalho. Mas, para que isso seja possível é necessário conhecer o ambiente na empresa e, nesse sentido, a realização de uma pesquisa de clima organizacional se apresenta como uma excelente alternativa.

Qual o passo a passo de uma pesquisa de clima organizacional?

Agora que você já entendeu que observar a satisfação de seus colaboradores é essencial para assegurar bons resultados, vamos ensiná-lo o passo a passo de uma pesquisa de clima organizacional.

Portanto, continue atento e prossiga com a leitura!

1. Observe o ambiente de trabalho

O primeiro passo para obter bons resultados com essa pesquisa envolve a habilidade de observação do gestor.

Você deve observar as relações, a produtividade e a postura dos colaboradores em busca de algum problema específico que necessite ser abordado com maior intensidade no questionário.

Isso o ajudará a qualificar melhor os dados colhidos e traçar estratégias que realmente contribuam para a melhoria do clima em seu negócio.

2. Faça um planejamento e escolha a metodologia a ser aplicada

Qualquer estratégia aplicada em um ambiente empresarial precisa ser precedida de planejamento. Obviamente, isso não seria diferente no presente caso.

Portanto, faça um planejamento detalhado, definindo quais são os objetivos de sua pesquisa, os temas que serão abordados e a metodologia a ser aplicada — por exemplo se o questionário terá espaço para respostas dissertativas ou se será de múltipla escolha.

3. Elabore o questionário

A próxima etapa é a preparação do questionário. Tenha muita atenção nessa etapa, pois é preciso garantir que todas as questões essenciais sejam tratadas.

Sugere-se que sejam formuladas entre 40 e 60 questões e que tratem de diversos temas, como:

  • satisfação em relação ao salário;
  • benefícios oferecidos pela empresa;
  • estrutura do local de trabalho;
  • plano de carreira oferecido;
  • relacionamento interpessoal;
  • incentivo à qualificação profissional;
  • sentimento em relação ao grupo de trabalho;
  • avaliação quanto à jornada de trabalho.

Cuide para que as perguntas sejam claras e objetivas e, caso aplique um questionário de múltipla escolha, deixe um campo no final para que o entrevistado possa expor alguma dúvida, crítica ou sugestão.

4. Comunique os funcionários

Com o formulário pronto, é hora de comunicar seus funcionários sobre a realização da pesquisa.

Exponha com tranquilidade a sua ideia e o objetivo desse questionário. Deixe claro que o objetivo principal é tornar a empresa um local melhor para se trabalhar e que será assegurado o sigilo de todos.

Peça que sejam sinceros e respondam de acordo com o sentimento pessoal, pois isso é muito importante para a realização de um diagnóstico preciso.

5. Aplique o questionário

Em seguida, basta aplicar o questionário no dia combinado com os colaboradores. Dê a eles tempo e tranquilidade para responderem sem sentir-se pressionados.

É aconselhável que você não fique por perto observando-os, já que eles precisam se sentir à vontade para expor suas impressões.

6. Compile os dados

Assim que todos tenham realizado a pesquisa, é o momento de compilar os dados obtidos. Faça isso o mais rápido possível e crie gráficos para cada pergunta do questionário — dessa maneira será mais fácil interpretar os resultados.

Em seguida, faça um relatório, convoque uma reunião e apresente à equipe os resultados da pesquisa. Esse feedback é muito importante, pois todos contribuíram para isso e poderão desfrutar das possíveis melhorias.

7. Trace estratégias de intervenção

Depois de todas as etapas concluídas, basta traçar estratégias para corrigir as falhas identificadas.

Lembre-se de que você tem em mãos informações poderosas e que farão toda a diferença nos resultados da empresa. Portanto, avalie com atenção e humildade tudo o que precisa ser melhorado em seu empreendimento.

Quais as vantagens desse tipo de pesquisa?

Conforme demonstrado, a aplicação desse questionário exige a adoção de um método bem definido. Apesar disso, os resultados são expressivos e merece o esforço despendido.

Realizar uma pesquisa de satisfação interna é, sim, uma estratégia importante. Empresas que se preocupam com a motivação de seus colaboradores e buscam crescer de maneira saudável e ordenada devem investir nisso.

Seguindo todos os passos acima indicados, com certeza, você conseguirá ter acesso a dados importantes sobre a motivação de sua equipe de trabalho e desfrutar de inúmeros benefícios, como:

  • ajuda a conquistar um ambiente de trabalho mais saudável;
  • melhora a motivação da equipe;
  • melhora o relacionamento entre os funcionários;
  • possibilita que o gestor avalie sua postura;
  • gera impactos positivos na produtividade do grupo;
  • ajuda a reter talentos na empresa;
  • cria um sentimento de pertencimento e estimula o empreendedorismo corporativo.

Como tornar as pesquisas mais eficientes?

Finalizando o post de hoje, trataremos nesse último tópico sobre alguns métodos para tornar a sua pesquisa de clima organizacional mais eficiente.

Portanto, confira algumas dicas valiosas para assegurar que as respostas e os resultados sejam, de fato, úteis para o desenvolvimento da empresa:

Abra espaço para a participação

Sempre que for aplicar um questionário para mensurar o clima organizacional, é importante envolver todos os colaboradores.

É imprescindível que eles não se sintam vigiados e, sim, parte essencial de um processo de melhorias internas na empresa. Por isso, abra espaço para que sugestões sejam apresentadas e ouça com atenção.

Compartilhe os resultados de maneira sóbria

Ao finalizar as etapas de aplicação da pesquisa, você deverá apresentar os resultados aos seus funcionários. Nesse momento, é preciso ter habilidades de um verdadeiro líder.

Procure ser calmo e expor os dados revelando que eles são importantes, independentemente do que apresentarem. Em caso de descontentamento em relação aos chefes e gestores, seja profissional e deixe claro que as falhas encontradas serão corrigidas.

Deixe claro o quanto você valoriza a sua equipe

Além do exposto, é importante que você demonstre o quanto valoriza o seu grupo de trabalho e o quanto é importante para a empresa que todos se sintam bem em desempenhar suas funções.

Deixe claro que eles são fundamentais para o sucesso do negócio e que o esforço de cada um deles é o grande diferencial competitivo da empresa.

Implemente a “caixa de sugestões”

A última sugestão a ser apresentada nesse material é a implementação da famosa “Caixa de Sugestões”.

Trata-se de uma medida simples e barata, mas que traz grandes benefícios à empresa. A colocação dessa caixa representa uma abertura ao diálogo e o incentivo à participação dos funcionários na melhoria do clima organizacional.

Além disso, ela poderá ser utilizada não apenas pelos colaboradores, como pelos clientes e fornecedores. Ou seja, você terá um canal permanente de sugestões para aperfeiçoar seus serviços, produtos e o próprio ambiente de trabalho.

E então, o que achou do post de hoje? Conforme exposto ao longo desse material, a pesquisa de clima organizacional é uma ferramenta que faz toda a diferença para o alcance dos objetivos da empresa. Você, certamente, sabe que o que faz o seu negócio diferente dos demais são os seus funcionários e, exatamente por isso, é preciso trabalhar para que eles estejam sempre felizes e dispostos a darem o seu melhor em prol da empresa.

Assim sendo, não perca tempo e coloque em prática tudo o que aprendeu hoje, realizando a sua própria pesquisa de satisfação interna!

Mas, antes disso, o que acha de aprofundar ainda mais seus conhecimentos sobre gestão de pessoas? Descubra como pessoas inteligentes lidam com pessoas difíceis!