mitos sobre empreendedorismo: homem em pé.

Saiba agora quais são os 20 maiores mitos sobre empreendedorismo.

Os mais comuns mitos sobre empreendedorismo e nossa análise sobre cada um deles

 

Nesse processo de estudo sobre empreendedorismo nós lemos e ouvimos muitas coisas.

Algumas delas verdadeiras, outras nem tanto. Vamos aqui esclarecer qual nossa opinião sobre alguns aspectos.

Mitos sobre empreendedorismo:

1.Empreendedores nascem empreendedores

Talvez. Algumas pessoas realmente nascem com uma boa dose de criatividade, energia e disposição para criar um negócio próprio, mas isso por si só é como uma massa de modelar.

É sempre necessário um trabalho árduo pra transformar esse talento em experiência relevante.

2. Empreendedores são apostadores

O bom empreendedor não simplesmente aceita que há risco, e aposta nisso.

Ele tenta influenciar as probabilidades e diminuir os riscos com uma palavra mágica: estratégia.

3. Empreendedores querem o show todo para eles

É possível sobreviver com uma empresa em que o empreendedor trabalha praticamente sozinho.

Mas, para um alto crescimento e a criação de algo que realmente faça diferença na sociedade, o empreendimento precisa ser um trabalho em equipe.

Ou seja, o empreendedor pode ter 100% de uma torta, mas só um time poderá fazer a torta crescer consideravelmente.

4. Empreendedores são 100% independentes e não prestam satisfação aos outros

Mentira, empreendedores precisam prestar contas para muitas pessoas. Pra começar, aos seus clientes.

Além disso, eles também precisam servir aos seus empregados, familiares e à sociedade em si.

5. É preciso uma ideia genial e um ótimo plano de negócios para dar certo

Nada disso. Usando a metodologia OPS para procurar oportunidades, tendo uma ideia que passe Credibilidade, Utilidade e Simplicidade (atributos CUS) e respondendo às 11 perguntas para responder antes de começar, garantimos que você está pronto para sair do lugar.

Seu sucesso dependerá principalmente da aplicação desses conceitos na prática.

6. Empreendedores são estressados e pagam um alto preço por isso

Gerir o negócio próprio é estressante e demanda uma alta carga de trabalho.

A questão é que há uma grande satisfação em cuidar de algo próprio, isso é mais recompensador do que qualquer quantia de dinheiro.

7. Se você começar um negócio e falhar significa que você está fadado ao fracasso

Mentira cabeluda! Existem muitos casos de empreendedores que faliram, mas que aprenderam com os erros e voltaram com força total.

Não queremos estimular ninguém a sair falindo negócios, o ponto é: errar uma vez não te destrói pra sempre, desde que você acerte em algum momento.

8. Sem muito dinheiro é impossível começar um negócio

Com uma boa oportunidade, uma boa comunicação e um time competente existe uma chance razoável de o empreendedor receber investimento externo.

Caso isso não ocorra, sempre há a opção de ser um empreendedor alça-de-bota (maiores explicações no próximo post).

Além do mais, uma grande quantidade de dinheiro não garante que um negócio terá sucesso.

9. Empreendedores são movidos apenas pela vontade de ganhar dinheiro

É possível que alguns sejam, mas não os que valham a pena ser analisados.

Dinheiro não aparecerá simplesmente se você pensar “dinheiro” 100 vezes por dia. Ele vem de clientes, por isso faça a vida deles melhor e você será recompensado.

Pense em melhorar a vida das pessoas e criar algo com atributos CUS e o dinheiro aparecerá.

10. É necessário ser um gênio para empreender bem

Habilidade matemática e analítica é muito bem-vinda, mas existem habilidades e competências muito mais importantes.

A verdade é que você precisa ter um espírito que tenha vontade de empreender, o resto você adquire com o tempo.

11. Só os que já são ricos podem empreender

Afirmação totalmente sem sentido, já que se sabe que muitos grandes empreendedores começaram de baixo.

O empreendedorismo parte muito mais de dentro da pessoa do que de sua condição financeira.

Pessoas pobres podem e devem empreender, revelando à sociedade que é possível reverter um quadro de miséria e necessidades materiais.

12. Para começar a empreender é preciso ser jovem

É verdade que, quanto mais cedo você começar a empreender, será melhor.

Mas, nada impede que uma pessoa de mais idade, inclusive já na terceira idade, possa empreender, abrindo um negócio e aumentando sua renda.

Em alguns casos, a maior experiência das pessoas de mais idade irá contribuir bastante para o sucesso do negócio.

13. Todo empreendedor deseja enriquecer rápido

Muitos podem desejar isso. Mas, não é uma regra.

O que mais se aconselha é que o empreendedor tem que ser paciente e visar o futuro, investindo a longo prazo.

Principalmente diante da crise atual, que afeta não só nosso país, mas outras partes do mundo, querer enriquecer rápido é tolice.

O bom empreendedor sabe focar no amanhã, planejando-se para acumular fortuna ao longo do tempo.

14. Para ter sucesso no empreendimento é preciso fazer o que gosta

Meia verdade, não é verdade absoluta.

Realmente, quando se começa um empreendimento fazendo algo que se gosta, as possibilidades de crescimento são altas.

Isso porque quando se gosta de uma coisa, o interesse em aprender mais sobre o assunto e o engajamento com o negócio são maiores.

Mas, nem sempre é assim. Para o negócio dar certo, é preciso uma análise de mercado, considerar a viabilidade de tal ou qual negócio, dar um rumo às coisas.

Além disso, você pode aprender a gostar de um negócio.

Lembre-se de que o mundo não foi feito para agradar cada um em particular e, muitas vezes, precisamos enfrentar situações muito diferentes daquilo que gostamos.

O ideal é que a pessoa goste de trabalhar, assim se ajustará melhor a diferentes empreendimentos.

15. Empreendedores são solitários

Os empreendedores sempre precisam de boas equipes para ajudá-los. Ninguém constrói nada sozinho.

Empreendedores estão sempre em contato com outras pessoas, com clientes, fornecedores, público em geral.

Sua comunicação com os outros depende seu sucesso, seu crescimento profissional.

O empreendedor esta mais para um lobo líder de uma alcateia do que para um lobo solitário.

16. Abrir uma empresa no Brasil demora tanto tempo que é melhor desistir

Nem sempre é assim. De fato, a burocracia existe, não há como negá-la, mas a questão da demora varia conforme a cidade e o tipo de atividade.

Se, em cidades como São Paulo, a demora para abrir uma empresa (registro completo) pode levar até 100 dias, em outras (como São José dos Campos, Belo Horizonte, Brasília), o processo pode ser relativamente rápido: menos de 7 dias. Essas cidades desenvolveram, realmente, bons projetos para ajudar as startups.

Além disso, é possível investir no comércio eletrônico para começar, vendendo em shoppings virtuais, Mercado Livre, OLX, através de uma lojinha virtual, de um site, de um blog, de uma página no Facebook.

Sim, isso mesmo! Tudo é empreendimento! O que vale é o esforço, a criatividade e o envolvimento.

17. Empreendedores brasileiros não têm muitas opções para se capacitar

É um grande mito. Apesar de a falta de capacitação ser um dos grandes problemas dos empreendedores do país, há muitas opções de capacitação.

O governo federal, em especial, investe muito nessa área.

Instituições como Sebrae, Senai, Sesi, Sesc, Endeavor, universidades privadas e públicas oferecem cursos e financiam programas específicos para capacitação de empreendedores.

Há diferentes opções, o importante é se engajar e ampliar o nível de conhecimentos e habilidades.

18. Todo empreendedor fica rico

Não existem fórmulas mágicas para o enriquecimento.

Se fosse assim, todas as pessoas poderiam virar empreendedores, já que teriam certeza de que enriqueceriam.

Acumular fortuna depende de muita visão estratégica, de gestão financeira eficiente, de saber driblar os impactos das crises econômicas (proeza que nem sempre é possível, diga-se de passagem).

19. O segredo do sucesso no empreendedorismo está na inovação

Não é uma completa verdade.

No Brasil, poucos empreendedores inovam de verdade, preferindo investir na tradição ou conservadorismo. Nos EUA, ao contrário, para empreender, é preciso inovar.

Na verdade, deve haver um equilíbrio entre os dois pontos: conservadorismo e inovação.

Abolir a tradição e fazer inovações exageradas e que não atendam as necessidades do consumidor não é o que se pode chamar de “grande sacada”.

Muitos empreendimentos bons podem partir de ideias simples e conservadoras sim, que servem ao público e geram renda ao empreendedor.

Mas, existe a necessidade de inovar para dinamizar o mercado e gerar novas oportunidades, fazendo com que a economia nacional alcance maiores patamares na economia global.

20. Mulher não sabe empreender

Mito que, embora ainda permaneça em algumas mentalidades, deve ser extirpado logo para o bem de todos os empreendedores.

A capacidade de empreender pode ser nata sim, mas também podem ser desenvolvida e, quanto a isso, o sexo pouco importa.

mulheres com enorme potencial para empreender, que podem unir forças com os homens para, juntos, realizarem seus sonhos.

É isso aí, esperamos ter tirado algumas dúvidas sobre os pontos que assombram as pessoas que pretendem empreender!

Por sinal, este é o momento de fugir desses mitos e começar a sua empresa! Leia o nosso Guia e saiba tudo sobre: Como abrir a sua empresa.

 

  • Olá Millor:

    Os mitos são como os chamados “encostos”- estão aí, invisíveis, atrapalhando a nossa performance – tratam-se dos modelos mentais, das crenças sobre como as coisas funcionam, baseadas em comportamentos aprendidos e compartilhados pelo coletivo. A criatividade e inovação talvez sejam os diferenciais que mais sinalizam as ações empreendedoras. A criatividade requer sincronicidade, que é justamente a capacidade de criar algo que seja a coisa certa no momento, local e contexto adequado. Isso exige uma tessitura entre a mente abstrata e a concreta, entre todo o conhecimento adquirido e as variáveis relacionadas ao contexto. A partir disso, é possível ir além e realizar, empreender as idéias e ações que farão sucesso.
    A idéia coletiva que se tem sobre o empreendedor – assim como acontece com o líder também – trazem o mito do deus herói e do guerreiro ao imaginário da maioria das pessoas. Esses modelos precisam ser revistos para dar atualidade às nossas ações. Isso feito, com certeza será um salto quântico para além dos fantasmas enumerados por você.
    Fico por aqui e parabéns pelo trabalho de vocês. Sucesso!

    Débora ( por uma verdadeira caça aos fantasmas)

  • Olá Millor:Os mitos são como os chamados “encostos”- estão aí, invisíveis, atrapalhando a nossa performance – tratam-se dos modelos mentais, das crenças sobre como as coisas funcionam, baseadas em comportamentos aprendidos e compartilhados pelo coletivo. A criatividade e inovação talvez sejam os diferenciais que mais sinalizam as ações empreendedoras. A criatividade requer sincronicidade, que é justamente a capacidade de criar algo que seja a coisa certa no momento, local e contexto adequado. Isso exige uma tessitura entre a mente abstrata e a concreta, entre todo o conhecimento adquirido e as variáveis relacionadas ao contexto. A partir disso, é possível ir além e realizar, empreender as idéias e ações que farão sucesso. A idéia coletiva que se tem sobre o empreendedor – assim como acontece com o líder também – trazem o mito do deus herói e do guerreiro ao imaginário da maioria das pessoas. Esses modelos precisam ser revistos para dar atualidade às nossas ações. Isso feito, com certeza será um salto quântico para além dos fantasmas enumerados por você. Fico por aqui e parabéns pelo trabalho de vocês. Sucesso!Débora ( por uma verdadeira caça aos fantasmas)

  • Pingback: Tweets that mention Os 10 mitos sobre empreendedorismo | Saia do Lugar -- Topsy.com()

  • Roberto Fermino

    Fala Millor!

    Um post melhor que o outro. Parabéns!

    Uma das frases que mais gosto sobre empreendedorismo ouvi do Rogério Cher que era: “Empreendedor detesta risco, ele ama desafio”.
    Isso aê galera, vamos tirando a bunda da cadeira!
    Risco é o preço que se paga pra chegar lá.

    Abraços!

  • Valeu Roberto!

    Essa frase é muito boa mesmo. De fato, ninguém gosta de risco, só que ele
    faz parte quando você tem objetivos ambiciosos.

    Vamos todos levantar a bunda da cadeira e sair do lugar!

    Abração

  • Lulafylho

    O texto é mto bom, mas considero um outro grande mito (na realidade um grande equívoco) e que faz mtos adentrarem no universo do empreendedorismo é q querem:
    NÃO TER PATRÃO
    TRABALHAR MENOS
    Pelo contrário, termos mais patrões (clientes, mercado, etc.) e trabalharemos mais.
    Isso vale um post.
    Sucesso.

  • Aracelicaires

    Eu acreditava que se tivesse mais recursos, os meus resultados seriam mais satisfatórios, geralmente nós empreendedores pensamos grande… Ao ler algumas matérias pude perceber que posso pensar grande e começar pequeno, por que não??? Os meus negócios caminham lentamente, mas foi justamente a falta de recursos que me impulsionou a tentar caminhos alternativos, dos quais estão dando muito certo…Obrigada pelas dicas. Que Deus abençõe!!!

  • Pingback: 12 dicas para falir a sua empresa | Saia do Lugar()

  • Pingback: 10 coisas que eu nunca ouvi um empreendedor de sucesso falar | Saia do Lugar()

  • Pingback: 10 coisas que eu nunca ouvi um empreendedor de sucesso falar()