O primeiro planejamento que sua empresa precisa fazer

O primeiro planejamento que sua empresa precisa fazer

Exemplo real e prático de como deve ser o primeiro planejamento da sua empresa

A primeira coisa que vem à cabeça quando pensamos em abrir uma empresa é “escrever o plano de negócios”. No nosso caso, fizemos exatamente isso. A única questão é que nosso primeiro plano de negócios só tinha 1 página e foi feito em uma tarde.

Conforme trabalhávamos, aí sim melhoramos o plano, que só virou um documento formal de 20 páginas depois de quase 1 ano de empresa.

A grande lição é que você precisa começar a pesquisar e trabalhar o mais rápido o possível, o plano vai sendo escrito aos poucos. Não gaste tempo demais escrevendo o documento antes de começar a trabalhar.

A importância do plano de negócios

Saiba em qual direção levar sua empresa

O primeiro dia de trabalho na Empreendemia
Nosso primeiro dia de trabalho produziu 2 documentos, confira nossa visão na época:

Não espere as respostas caírem do céu
No 2o dia de trabalho começamos a colocar em prática as ações definidas no 1o dia e a testar nossas hipóteses. Impressionante como quanto mais trabalhávamos, melhor nosso plano ficava.

Planejar é fundamental, mas não fique esperando as respostas aparecerem. Simplesmente levante algumas hipóteses e converse com as pessoas para ver se elas fazem sentido.

A pior coisa que você pode fazer é gastar meses em um plano de negócios que não tem absolutamente nenhum tipo de contato com o mundo real. Saia do lugar!

No início uma apresentação é a coisa mais importante do seu plano
Como já falamos no artigo O documento mais importante para começar sua empresa, é muito mais fácil alterar uma apresentação do que um documento completo. Enquanto você ainda não tem nada, registre seu nada em formato de apresentação e mostre-a para o maior número possível de pessoas.

Conforme essas pessoas te dão feedbacks, seu projeto irá melhorar e daí sim vale a pena escrever um plano completo.

Lições aprendidas depois de 1 ano e meio da primeira versão do plano
Além de matar a saudade do nosso primeiro plano, a ideia é passar algumas lições que normalmente não são encontradas nos livros.

  • Escreva o plano pelas razões corretas
  • O plano de negócios não precisa ser extremamente longo e complexo
  • Saiba que o plano será alterado constantemente
  • Tenha consciência de que o plano conterá informações imprecisas
  • Existem modelos disponíveis, mas não se prenda a eles

Para se aprofundar em cada lição, vale a pena conferir o artigo Conceitos fundamentais que você precisa saber sobre plano de negócios, que escrevemos no Portal Santander Empreendedor.

Abraços,
Millor Machado (entusiasta de quem sai do lugar sem gastar tempo demais só no planejamento)

Nota do editor: Um ponto bem importante também é avaliar se você está preparado para montar sozinho toda a estratégia da sua empresa. Uma boa opção pode ser a contratação de uma consultoria na área.

Para ajudar os micro e pequenos empresários a obter sucesso nestas etapas, a Templum Consultoria Online acaba de lançar a implementação de Planejamento Estratégico.

A Templum vai te ajudar a criar e a implementar o plano estratégico no seu negócio da melhor forma possível.

Veja mais aqui.

  • Millor, excelente post sobre pontos que parecem ser, muitas vezes, divergentes: colocar a mão na massa e planejar o que será feito.

    Concordo com você que um depende do outro e que o desenvolvimento de uma startup é contínuo, ou seja, não adianta nada ficar parado planejando e não questionar as reais necessidades do mundo lá fora. O contrário também é ruim: sair por aí apostando em tudo, desenvolvendo produtos sem pensar se serão úteis ou reinventando a roda só porque a sua roda é mais redonda mas sem aplicação prática e um planejamento prévio pode fazer com que você morra com um excelente produto de que ninguém precisava.
    abraço!
    Borovik

  • Valeu Rafael!

    A ideia é bem essa mesmo. Planejamento e ação precisam sempre andar juntos.
    De nada adiantar ter um sem ter o outro.

    Abração!

  • Indico o Prezi para a criação de excelentes apresentações:http://prezi.com/index

  • Muito bom! Já havia lido antes e marcado com ‘estrela’ no G. Reader para ler novamente depois. Agora que abri o vosso arquivo ‘MAT’, pergunto: como foram os ‘tasks’? No ‘MAT’ fala de um arquivo ‘To-dos’. Tem como disponibilizar (um exemplo, pelo menos)? Valeu!

    • Oi André! Tudo bem?

      O to-do era um Google Doc com a lista das tarefas do dia. Daí quando a tarefa era feita, marcávamos em verde. Quando passava do prazo, ela era marcada em vermelho.

      Abração!

  • André Norbim

    Show! O link para apresentação do slideshare não está abrindo.