newslettermonitoramento de informações sobre o seu negócio, mercado e concorrência são fatos importantes, mas muitos não sabem realmente o “por que” o monitoramento de informação é tão importante.

">

Descubra o poder de captar Leads usando a Newsletter!

Manter contato constantemente com seus clientes e potenciais clientes é fundamental.

Manter contato constantemente com seus clientes e potenciais clientes é fundamental.

Com o primeiro, para que ele continue comprando de você, seja fidelizado e, porque não, um evangelizador da sua marca. Com o segundo, para que ele se torne um cliente!

E você já deve saber que existem inúmeras maneiras de estabelecer esse contato, principalmente em massa, ou seja, atingindo inúmeras pessoas ao mesmo tempo, com o mesmo conteúdo. Redes Sociais, site, banners, Google Adwords e mais inúmeros tipos de anúncios publicitários.

Mas, além de atingir pessoa de maneira genérica, você pode estabelecer um relacionamento com sua persona através de contato direto, por telefone ou email. E, se um representa muito trabalho e tempo, o outro pode ser bem mais simples e com ótimos resultados.

Por isso, enviar newsletters para os seus contatos é uma ótima opção, pois além relacionamento, você terá uma grande chance de fomentar novas oportunidades através da geração de Leads!

Mas, antes de começar o disparo de emails, é preciso entender alguns pontos importantes, para que você consiga resultados ainda melhores.

O que é uma newsletter

Newsletter são emails que contém informações relacionadas a sua empresa e produtos, enviados aos seus contatos periodicamente, para além de informar, facilitar o acesso dessas pessoas ao que você está oferecendo.

Quando uma pessoa recebe esse tipo de email e clica em seu conteúdo, ela não precisou ir até o Google ou a um navegador e procurar informações sobre aquele assunto ou mesmo sobre sua empresa. Por isso, você tornou esse processo bem mais simples para ela.

Dessa forma, quando um contato assina a sua newsletter, fornecendo o contato dele em uma área do seu site, ele permitiu que você entre em contato com ele, o que demonstra o interesse da parte do assinante.

Se até neste momento ele é apenas um interessado, é muito provável que ele se torne uma lead e, com isso, caminhe ainda mais rapidamente para se tornar um cliente.

Por que enviar newsletters

Quando você envia uma newsletter para os seus contatos, acima de tudo, você está estabelecendo um meio de comunicação com ele. Porém, mais que isso, o envio de newsletters também é:

Um canal de comunicação direta:

Afinal, ela é feita da sua empresa diretamente para a caixa de entrada de emails daquela pessoa, de forma íntima.

Um canal de exclusividade:

Você não estará brigando pela atenção da sua persona. Enquanto ela lê o seu email, ela estará focando toda a atenção em você.

Gerar Valor:

Com as informações que você envia através da sua newsletter, você estará informando, ensinando e de maneira facilitada, já que a pessoa que recebe não precisa de esforço maior que um clique para acessar essa informação. E tudo isso faz com que sua empresa gere valor a quem recebe.

Nutrir seus atuais clientes:

Se você já tem os contatos dos seus clientes e quer que eles continuem comprando, você deve enviar newsletters para eles!

Assim eles se lembrarão de você, você continuará gerando valor a eles e isso aumenta a chance de que eles realizem novas compras.

Gerar Leads:

Como já dissemos desde o título, o envio de newsletter é um ótimo caminho para a geração de Leads.

E Leads são novas oportunidades de venda. Por isso, você estará direcionando os seus esforços, tempo e dinheiro a quem realmente importa.

O que são Leads

Leads são as pessoas que, além de fornecerem informações de contato a você, demonstram interesse pela sua empresa, produto, serviço ou área de atuação.

Ou seja: mais que fornecer um email, alguma outra ação dessa pessoa demonstra que ela tem grandes chances de ser um cliente, e por isso merece atenção.

Ela pode baixar um ebook ou algum outro material rico que sua empresa fornece, entrar em contato com você, solicitar o contato de um consultor ou vendedor, ou qualquer outra ação nesse sentido que mostre para você o interesse dela.

Por isso os emails são ótimos geradores de Leads: através de uma newsletter você pode motivar uma ação do seu contato para se tornar uma lead.

Por que gerar Leads

Essa resposta é bem simples: quanto mais Leads você tiver, maior o número de oportunidades de venda você estará gerando.

Mais que um contato, sua lead está reagindo ao seu marketing e mostrando para você que ela tem interesse em realizar uma compra. E você pode auxiliá-la nesse processo, fornecendo a ela as informações que ela precisa para dar esse passo e se tornar um cliente.

E, com isso, você economiza tempo dos seus vendedores, que entrarão em contato apenas com as pessoas que realmente tem potencial de compra e, consequentemente, economiza dinheiro, já que os seus vendedores terão mais tempo para entrar em contato com mais pessoas, com cada vez mais chances de fechar negócio.

Decidi: quero fazer newsletters. Por onde eu começo?

A primeira coisa que você precisa fazer, caso decida começar a criar e enviar newsletters para os seus contatos é, claro, ter esses contatos.

Eles podem ser gerados através dos clientes que você já tem, como já dissemos, e o que representa uma vantagem já que além do contato, você ainda tem conhecimento a respeito das suas áreas de interesse (o produto que ele comprou diz muito sobre o que ele gosta).

Além disso o seu site e blog devem conter uma área especialmente destinada às pessoas que desejam receber mais informações sobre você, como no exemplo a seguir.

Além disso, se você faz uso de uma estratégia de Marketing de Conteúdo, existem inúmeras outras maneiras de conseguir o contato dos seus potenciais clientes, através de Landing Pages e da criação de materiais ricos.

Com os contatos em mãos, você precisa organizá-los, principalmente se eles são muitos. Isso porque, já que se trata de um canal de comunicação direta, você deve atingi-los da maneira mais assertiva possível. Quem são e pelo que eles se interessam?

A partir disso, eles podem ser segmentados por áreas de interesse, para aumentar ainda mais a sua taxa de conversão, ou seja, o número de cliques.

Depois disso você deve criar um calendário de envio. Qual o melhor horário? De quanto em quanto tempo será o disparo desses emails? Tudo isso deve estar claro antes de começar o processo de envio.

Por fim, você elabora o email. E não deve pensar só no conteúdo, mas no título (também conhecido como assunto que é o que fará os seus contatos abrirem ou não o seu email), no layout e nos calls-to-action, que são os links ou botões que direcionam o seu leitor a uma ação.

Nesse ponto, o mais importante é pensar sempre em quem lê: Qual o conteúdo que vai gerar maior interesse dessa pessoa? Qual tipo de informação será relevante para ela? Como proporcionar a ela uma boa experiência de leitura? Como atrair a sua atenção e instigá-la a leitura?

Três dicas importantes:

 

  • 90% do conteúdo deve ser educacional e só 10% institucional. Uma newsletter não é um email de anúncios, e sim de relacionamento.
  • Seja simples e objetivo. Ninguém vai dar atenção a emails longos e recheados de elementos visuais.
  • Seja pessoal. Esse é um canal de comunicação direta, e é isso que o seu leitor espera: se relacionar com uma pessoa, e não com uma máquina.

 

A partir daí é enviar e monitorar o recebimento dos seus emails. Saber quais newsletter deram mais ou menos resultados te ajudará a aprimorar os seus envios, aumentando a sua conversão.

Piores erros de uma newsletter

Se esse pode ser um excelente canal de comunicação e geração de Leads, também pode ser um péssimo canal, caso você realize ações que afastarão os seus contatos.

Veja quais erros você jamais deve cometer:

Comprar uma lista de emails:

Primeiro porque essas pessoas não te “autorizaram” o envio destes emails, e por isso com certeza não vão ler a sua newsletter.

Segundo por que você sequer tem a garantia de que esses contatos existem e, por isso, estará perdendo dinheiro e a efetividade dessa estratégia.

 

Colocar informações demais ou sem qualidade:

A pessoa abriu o seu email. Isso mostra que ela está interessada no que você tem a dizer. Por isso você deve ser simples, rápido e objetivo. Se ela sentir que está perdendo tempo ou não conseguir absorver a sua mensagem, seu esforço será em vão.

Não pensar em quem acessa o email pelo celular:

O número de pessoas com smartphones cresce todos os anos e eles estão sempre conectados aos emails. Por isso muitos dos seus leitores estarão acessando seu email e seu conteúdo através de dispositivos mobile.

Enviar emails demais:

Pense no quanto é ruim quando a sua caixa está lotada de emails de um mesmo remetente.

O seu contato pensará a mesma coisa a seu respeito, por isso você deve criar um intervalo que condiga com sua persona e que não te torne um spam.

 

Conclusão

Agora que você já sabe o que precisa para começar a criar newsletters incríveis e aumentar suas oportunidades de venda através da geração de Leads, e entende que essa é uma ótima oportunidade e de baixíssimo custo, é hora de começar.

Segmente sua lista e lembre-se sempre da lista de boas e más práticas, para evitar que as pessoas deixem de assinar a sua newsletter e para que os seus envios gerem resultados realmente significativos.

Mas você também sabe produzir outros tipos de Email Marketing? Se deseja saber mais sobre isso, leia o nosso artigo e saiba como extrair ainda mais resultados dessa estratégia!