jack ma

Conheça a incrível história de Jack Ma, fundador do gigante Alibaba

“O que é a falha? Desistir é o maior fracasso” - Jack Ma.

Você provavelmente já ouviu falar do site de compras online AliExpress, certo? O que muita gente ainda não tem conhecimento é do nome por trás da gigante Alibaba, empresa fundada em 1999 e hoje responsável por consagrar seu dono como um dos bilionários mais ricos do mundo.

Estou falando de Jack Ma! O chinês de 53 anos de idade, após fundar a empresa no ano de 1999 dentro de seu apartamento, conquistou seu lugar no mercado e é considerado atualmente como um dos nomes mais fortes no empreendedorismo não só da China, mas de todo o globo.

Outra coisa que muita gente não sabe da história que antecedeu um acúmulo de fortuna pessoal avaliado em 46.9 bilhões de dólares (e que continua crescendo)! Você sabia, por exemplo, que Jack foi negado pela Universidade de Harvard 10 vezes? Ou que levou 6 anos para completar o ensino fundamental em sua cidade natal (que na época tinha duração de apenas 1 ano)?

Fique com a gente e acompanhe essa história cheia de curiosidades, reviravoltas e muita força de vontade!

Infância e adolescência

Jack nasceu na cidade de Hangzhou, no leste da China. Desde cedo já tinha interesse em aprender o inglês, porém, sua condição de vida simples não permitia que o jovem pagasse qualquer tipo de curso capaz de alfabetizá-lo.

Tendo um objetivo em foco e sabendo onde queria chegar, ele decidiu que aprenderia o inglês sozinho. Como isso seria feito? Andando de bicicleta por 70 minutos até um hotel, onde estrangeiros se hospedavam aos montes.

Dito e feito. Sua forma de conquistar o interesse de empresários, turistas e famílias gringas, foi oferecendo tours ao redor da cidade. Essa foi a forma que Jack Ma encontrou para melhorar a proficiência na língua, permanecendo por 9 anos na mesma função. Além disso, ele aprendeu muito sobre a cultura ocidental, bem diferente daquilo que havia conhecido até aquele ponto da vida.

Foi nessa experiência, inclusive, que “Jack Ma” virou seu nome. Em sua certidão de nascimento constava “Ma Yun”, nome não muito interessante para se apresentar para estrangeiros, já que eles mostravam muita dificuldade na pronúncia.

Uma turista americana sugeriu que ele adotasse o nome Jack, por ser de fácil entendimento internacionalmente.

Dificuldades na vida profissional

Após passar pela árdua experiência de 9 longos anos, era hora de Jack tentar entrar na universidade. O exame chinês era extremamente difícil e só poderia ser feito uma vez por ano, porém o garoto persistiu, passando após 4 anos de estudo.

Finalmente, era hora de tentar entrar em alguma faculdade. Ele tentou vaga em três faculdades de prestígios da cidade, porém falhou em todas as tentativas. Acabou passando em uma instituição considerada como muito mediana.

Após a trajetória acadêmica, Ma finalmente se formou em Inglês, fechando um ciclo frustrante em relação à universidades: a renomada Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, rejeitou o chinês mais de dez vezes.

Durante o início de sua juventude, outros empecilhos foram surgindo. Quando arede de fast-foods KFC chegou em sua cidade, Jack viu uma oportunidade de trabalho. De acordo com ele, o processo seguiu da seguinte maneira: de vinte e quatro candidatos, vinte e três passaram. Adivinha só o único que ficou de fora?

Era Jack. A rede de fast-foods americana foi apenas uma entre outras aproximadamente trinta instituições onde o chinês tentou algum tipo de emprego ao longo da vida, porém sempre rejeitado com a justificativa de que “não era bom o suficiente” ou que seu currículo dava vergonha.

Encontro com a internet e o desejo de empreender

Depois de muita frustração e de desacreditar diversas vezes de sua capacidade própria enquanto profissional, Jack, agora professor de inglês, conheceu a internet em uma viagem para os Estados Unidos. Era 1995.

Jack Ma relata que uma de suas primeiras experiências na web despertou um projeto de ideia. Ele procurou pela palavra “cerveja”, porém se assustou ao não encontrar nenhum resultado vindo da China. Ele continuou a pesquisa e se surpreendeu mais ainda ao não encontrar ao menos informações gerais sobre sua terra natal.

Imaginando o potencial promissor da internet, ele, juntamente a um amigo, criaram um site amador relacionado à China, com informações gerais sobre o país. Logo após lançar a página, alguns chineses já começaram a mandar emails para o grupo, querendo saber mais sobre eles. Sua esperança em relação à um negócio promissor online cresceu mais ainda.

Foi assim que surgiu sua primeira empresa, que tinha o propósito de desenvolver sites para que companhias locais conseguissem vender produtos online para o exterior. Esse empreendimento, que precisou de um investimento de 20.000 dólares, rendeu 800.00 na época.

Sucesso na certa, né? Nem tanto!

Alibaba nos primeiros anos

Com as ideias a flor da pele e muita vontade de prosperar, Jack e aquele grupo de amigos continuaram investindo no fabuloso mundo da internet, pouco explorado na época. Daí surgiu o Alibaba.

O propósito inicial do site era similar ao seu negócio anterior: conectar vendedores e clientes em um comércio global, sem fronteiras e que atendesse bem à médios e pequenos empresários. Todos trabalhavam no apartamento de Ma, que na maioria das vezes não contava com a limpeza ou estrutura ideal que o grupo de aproximadamente 17 pessoas precisava para trabalhar dignamente.

Investidores e nomes a frente de grandes companhias não acreditavam no projeto daquele homem ambicioso, afirmando que não daria certo e que aquele modelo de negócio era péssimo. Isso fez com que, após buscar por seu primeiro financiamento, Jack Ma se encontrasse sem nenhum incentivo monetário.Isso não fez, porém, que ele desistisse de seu sonho. Muito pelo contrário.

O sucesso de uma cadeia de empresas bilionária

O ano de 2004 foi um marco para a consolidação da empresa e sucesso mundial.

Recebendo investimentos milionários de diversos empresários famosos, como Jarry Yang, co-fundador do Yahoo, o mundo estava finalmente preparado para abraçar a ideia daquele garoto nada prodígio.

Atualmente, o Alibaba, que conta com uma cadeia de empreendimentos igualmente idealizados por Ma, vale aproximadamente 230 milhões de dólares. O valor superou o do Facebook em 2014, ano em que a companhia abriu suas ações na bolsa de valores dos Estados Unidos, a bolsa de Wall Street.

Lições que podem ser aprendidas a partir de uma história de vida tão inusitada

De 18 funcionários e nenhum faturamento até mais de 30 mil e um faturamento anual de 4 bilhões de dólares, o que é possível aprender a partir da carreira daquele pequeno chinês que não convencia ninguém de seu potencial?

É isso que vamos te mostrar agora, a partir de frases ditas por Ma em várias palestras realizadas ao redor do mundo (inclusive lá em Harvard)!

1. “O que é a falha? Desistir é o maior fracasso”

Quem diria que um adolescente rejeitado pelas faculdades locais inúmeras vezes, além de perder a oportunidade de trabalhar mais de 30 vezes por não ser “bom o suficiente” se tornaria um dos homens mais ricos do mundo?

A resposta se encontra na persistência. Não desista depois de receber alguns nãos pelo caminho, ou por ouvir que o seu negócio é uma “ideia ruim que não vai levar em nada”. Um bom empreendedor possui a capacidade de aprender com os erros e empecilhos da vida, tirando proveito de situações nada positivas.

2. “Sua atitude é mais importante que suas capacidades aparentes.”

No passado, era muito comum que o melhor profissional fosse avaliado a partir de suas competências universitárias, como a universidade que frequentou ou as notas do boletim.

Hoje, no entanto, a sociedade está mudando e, com ela, a visão de quem é bom e quem não é também.

Não sabe programar, mas tem vontade e acha que seria legal para o seu currículo? Busque cursos na internet! Quer conhecer mais sobre marketing para se atualizar no mercado e não faz ideia por onde começar? Busque por mais cursos! Está em idade avançada e acha que não tem mais lugar para você? A resposta está nas perguntas anteriores!

Leia, estude, se informe,nunca se canse de aprender.

As capacidades “aparentes”, no qual Jack Ma se refere, não deixam de ser importantes. Elas são muito! O que ele quer dizer com a frase é que a forma no qual você age a partir de problemas e desafios é muito mais importante do que se seu diploma veio do interior de Goiás ou da capital do Rio de Janeiro.

3. “Encontre as pessoas certas, não as melhores pessoas”

A frase tem total relação com o que falei ali em cima, e nem preciso explicar de novo, né?

4. “Ao invés de ter pequenos truques inteligentes para sobreviver, se concentre em se manter perseverante”

Com mais uma frase que fala sobre perseverança e a capacidade de não enlouquecer em meio à adversidades, aqui vai mais uma curiosidade sobre a vida do empresário:

Nos primeiros anos do AliBaba, mesmo após ter ganho conhecimento mundial, Jack não havia recebido quase nenhum centavo. Ele conta que, muitas vezes ao sair para comer em restaurantes, teve sua conta paga por clientes anônimos com dizeres que afirmavam mais ou menos a seguinte frase: “Eu ganhei muito dinheiro com o Alibaba e eu sei que você não. Obrigado”.

Não importa qual área de negócio seja a sua, eu posso te garantir que a perseverança vai te levar muito mais longe do que você imagina!

Ufa, longa história, né? Espero que tenha te inspirado da mesma forma que inspirou uma universitária cheia de dúvidas! Agora, deixa eu te mostrar um outro conteúdo que promete ensinar muito a partir da história de uma outra figura: Luiza Trajano, presidente do Magazine Luiza e exemplo de empreendedorismo feminino.