Dica diária ao empreendedor 71: Como visualizar inovação

Dica diária ao empreendedor 71: Como visualizar inovação

7 dicas essenciais para quem quer inovar

As dicas de hoje foram dadas por Ethan Zuckerman. A fonte original é o blog Aprendendo Empreendendo do Daniel Heise.

As sete regras citadas por Zuckerman que aparentam explicar como a inovação surge:

  1. Inovação vem de restrição (se você tem poucos recursos, você é forçado a ser criativo)
  2. Não lute contra a cultura (se as pessoas cozinham mexendo seus cozidos em suas panelas, elas não irão cozinhar usando um forno solar, não importa como você venda isso para elas. Faça um fogão melhor para elas ao invés disso)
  3. Aceite e use os mecanismos de mercado (oferecer de graça não funciona tão bem como vender)
  4. Inove em cima de plataformas existentes (Na Africa eles já tem muitas bicicletas e celulares, mais um monte de metal para soldar. Inove usando essas coisas, ao invés de trazer materiais totalmente novos)
  5. Problemas não são sempre óbvios olhando de longe (você só enxerga um problema se estiver em contato com sua realidade)
  6. O que você tem importa mais do que o que te falta (se você tem uma bicicleta, considere o que você pode construir baseado nisso, ao invês de se preocupar por não ter um carro)
  7. Infra-estrutura pode gerar mais infra-estrutura (ao construir a infra-estrutura de telefonia celular na Africa eles podem estar construindo uma infra-estrutura energética).
  • Gostei da forma direta e simples de como inovar. Grande contribuição!

  • Gostei da forma direta e simples de como inovar. Grande contribuição!

  • Roberto Fermino

    Recentemente li o livro Innovatrix do Clemente Nobrega & Adriano R. de Lima, o legal desse livro é que ele diz ser possível inovar segundo método, uma receita de bolo. O livro é bem bacana pq diz que inovação não são idéias malucas, mas sim tudo aquilo que traz dinheiro novo pro seu negócio. Tem um sistema pragmático de como descobrir os “Job to be Done” que são os problemas chaves a serem resolvidos.Particularmente, acho este último a melhor contribuição do livro. O livro foi inspirado numa teoria TRIZ desenvolvida pelo russo Altshuller (1926-1998)
    Esse cara trabalhava num banco de patentes e avaliou mais de 200 mil delas e identificou apenas 40 parametros em comum. Seus contemporaneos já avaliaram mais de 3 milhões e permanecem ainda dentro dos 40 parametros. Estes parametros servem para descobertas de produtos, parte técnica. Outra grande contribuição do Innovatrix é que para inovação em gestão e/ou modelo de negócios os parametros são perto de 8. Só isso! Eles mostram esse fato analisando todas as inovações da empresas que estão no livro Estratégia do Oceano Azul.
    Bom se vc cansou só de ler este texto, vou dizer que a leitura não é tão fácil também. Mas vale a pena. Abaixo deixo um link de uma entrevista do autor falando sobre inovação. Abraços galera.

    http://jovempan.uol.com.br/videos/clemente-nobr

  • Roberto,

    Acabei de pedir pro próprio Clemente uma cópia do livro pra fazer uma
    resenha por aqui. Vamos ver se ele é bom mesmo hehe

    Pelo que você falou é bem interessante, é muito bom saber que existem
    pesquisas nessa área tentando organizar o processo de inovação.

    Assim que tiver o livro em mãos te dou o feedback sobre ele.

    Abraços!

  • Roberto Fermino

    Legal. O Clemente é super acessível e tem um ótimo humor pra falar de coisas sérias. O meu tá aqui autografado hehe

    É justamente esse o ponto central que chamou minha atenção, “organizar o processo de inovação”. Não dá pra aceitar que empresas farmacêuticas ou a 3M têm um bando de maluco à “Google Style”. Tá em 1o lugar na Cultura, mas nem acho que vai pegar tanto, por ser meio técnico.
    Em “oposição” a este livro e diria que bem mais inspirador é o “Oportunidades Disfarçadas” do Carlos Domingos. Este dá pra colocar fácil no rankig, Tenho um que não tá autografado, posso emprestar!

    Abraços.

  • Pingback: PRINCIPAIS NOTICIAS DO DIA 19/05/2011 PUBLICADAS EM MEU TWITTER | Blog do Andre Zanoti()