Como Vender Online

Como vender online: aprenda a fazer comunicação de venda pela internet

Fazer vendas pela internet não se resume somente em ter uma loja virtual e publicar produtos nela, mas também contar com uma série de ações de marketing digital. Colocá-las em prática é o primeiro passo do processo de como vender online.
Curso de Vendas / Inside Sales para empresasPowered by Rock Convert

Se você quer alavancar seu negócio e transformar sua empresa em um verdadeiro sucesso, é interessante considerar saber como vender online.

Vendas virtuais se tornaram uma prioridade para os empresários que entendem a importância do mundo digital, e como ele pode auxiliar na expansão da marca.

Imagine a sua empresa hoje, que atua regionalmente, podendo levar seus produtos para cada vez mais pessoas, em mais cidades do país? O aumento da renda e da carta de clientes é, sem dúvidas, muito atrativo.

No entanto, apesar de ser “o melhor dos dois mundos”, a venda online exige cuidado e responsabilidade: alguns detalhes são importantíssimos para que ela funcione corretamente, evitando stress e desgaste junto aos clientes, como a qualidade do site, conteúdos disponibilizados, tempo de carregamento da página, descrição dos produtos e muito mais.

Pensando nisso, decidimos criar este conteúdo com algumas dicas fundamentais para quem quer aumentar as vendas e a abrangência da sua empresa.

Quer aprender a vender online? Então continue a leitura!

1. Entenda suas personas

O primeiro passo para vender online é conhecer as suas personas. As personas são personagens semi-fictícios que irão representar seus clientes potenciais.

Nesse estudo, é preciso considerar alguns aspectos da vida desses usuários, como:

  • idade;
  • linguagem;
  • canais que estão presentes;
  • rotinas;
  • como a sua empresa pode se diferenciar dos concorrentes para essa pessoa;
  • quais são os objetivos dessa pessoa com o serviço ou produto da sua empresa;
  • particularidades do processo de compra, como dificuldades e receios na hora de fechar negócio; etc.

Todas essas informações irão te ajudar a nortear a comunicação de forma simples, prática e efetiva, uma vez que será possível entender como seus clientes se comportam e quais serão os argumentos de venda mais interessantes com cada um deles.

É comum empresas terem mais de uma persona, então não se assuste se surgirem diversos perfis de clientes. O ideal, no entanto, é focar nos mais expressivos para aumentar a atração do público que representa a maior parcela da sua cartela. Uma vez trabalhado esse público, passamos para as demais personas.

2. Descubra quais canais online seu público utiliza

O estudo de personas irá te ajudar a descobrir em quais canais online seu público está.

Entender esses canais é fundamental para saber onde a sua empresa deve colocar maior esforço de venda.

Imagine investir em todas as redes sociais, por exemplo, sem distinção. Você estaria criando conteúdos e investindo tempo e dinheiro em mais de cinco canais simultaneamente, quando na verdade o seu público utiliza apenas dois deles. É estratégico? Acredito que não.

O ideal é otimizar a sua comunicação apenas nos canais “escolhidos” pelo seu público, para que a sua ação seja mais efetiva, traga mais resultados e o custo seja menor.

3. Crie conteúdos para SEO e gere um tráfico orgânico de qualidade

Para atrair cada vez mais pessoas, é preciso criar conteúdos interessantes e otimizados para SEO.

O seu site, blog e/ou loja online precisam ranquear nos mecanismos de busca para atrair cada vez mais pessoas.

Você certamente já deve ter visto anúncios no Google ao fazer uma pesquisa específica. Supondo que você quer comprar uma bicicleta e digita no Google “comprar bicicleta bh”, para buscar por lojas com as melhores opções.

Os primeiros resultados possuem uma sinalização, mostrando que são anúncios pagos. Para estar ali, as empresas pagam para o mecanismo de busca. Logo abaixo desses resultados sinalizados, estão os resultados orgânicos.

Estar na primeira página dos resultados orgânicos aumenta consideravelmente as chances de clique no seu site, levando cada vez mais visitantes orgânicos e interessados no seu produto e/ou serviço.

Os conteúdos otimizados para SEO farão com que seu site apareça na primeira página, gerando cada vez mais tráfego orgânico e aumentando a possibilidade de vendas.

Mas qual é a diferença entre as duas situações: anúncios pagos e tráfego orgânico?

Simples: no tráfego orgânico, você não paga nada para aparecer no Google, você simplesmente conquista essa posição. O resultado é a redução do custo de aquisição de clientes e, por consequência, o aumento dos lucros reais do seu negócio.

4. Tenha um site otimizado para a boa experiência do usuário

Além de ter um bom conteúdo, é preciso que o seu site seja otimizado para a experiência do usuário.

Essa otimização fará com que a navegação do seu possível cliente pelas suas páginas seja simples, prática e tranquila. Seu usuário precisa encontrar todas as informações necessárias de forma rápida.

Esse tipo de otimização auxilia não só no processo de compra, como também no ranqueamento no Google, uma vez que ele também considera o tempo de permanência na página, velocidade de carregamento do site, responsividade, configurações de segurança e muito mais!

5. Faça uma boa descrição dos produtos e serviços

Falamos sobre o conteúdo capaz de ranquear. Agora, é importante falar sobre os conteúdos para venda: a descrição dos produtos.

É preciso que, dentro do seu site, os produtos estejam bem descritos, evitando dúvidas por parte do cliente. Isso é importante porque, em alguns casos, o usuário que busca por informações e não encontra no site que está, retoma a pesquisa, e é nesse momento que você pode perder uma venda para um concorrente com produtos mais bem descritos que o seu.

Todas as informações técnicas e úteis precisam estar bem colocadas para que o usuário não precise sair da sua página para encontrar as respostas.

6.Acompanhe as métricas mais importantes

Para aumentar as vendas pela internet e otimizar seus resultados, é preciso acompanhar as métricas mais importantes para o seu negócio.

Cada empresa possui um objetivo, e são esses objetivos que ditarão quais são as métricas que precisam ser avaliadas mensal, quinzenal ou semanalmente.

No entanto, algumas métricas básicas podem te ajudar a entender como sua empresa está caminhando e dar insights valiosos para melhorias. São algumas delas:

  • tráfego orgânico;
  • número de visitas no site;
  • número de conversões;
  • abandono de carrinho;
  • custo de aquisição de clientes (CAC);
  • retorno sobre investimento (ROI); etc.

Avalie, dentro dos seus objetivos de marketing, o que precisa ser medido. Com base nisso, crie rotinas de otimização para, mês a mês, melhorar seus resultados!

7. Faça testes A/B

Agora que você acompanha as métricas mais importantes da sua empresa, é hora de criar a rotina de testes A/B. Esses testes irão te ajudar a fazer otimizações no processo de comunicação de venda pela internet e de compra.

As otimizações, quando bem feitas e documentadas, ajudam a aumentar as taxas de conversão, refletindo no resultado de vendas.

Como vimos, um dos pilares fundamentais para vender online é o conteúdo otimizado para aumentar as visitas orgânicas do seu site.

Para aprender mais sobre como vender online e capacitar sua empresa para atender essa necessidade, que tal um curso feito pela Rock Content, com todo o cuidado e conteúdo necessários para te ajudar a melhorar os resultados do seu negócio? Conheça o Curso de SEO (Search Engine Optimization) disponível na Universidade Rock Content!