Características de boas ideias

A origem das boas ideias

A primeira coisa que vem na cabeça quando pensamos em empreendedorismo é: ter uma ideia de negócio.

A primeira coisa que vem na cabeça quando pensamos em empreendedorismo é: ter uma ideia de negócio.

Fuçando pela internet achei um vídeo sensacional do TED (evento em que ocorrem as melhores palestras do mundo) que trata justamente sobre esse tema.

Infelizmente não consegui achar uma versão do vídeo com legendas, então segue um pequeno resumo pra quem tiver dificuldades com o inglês.

Características de boas ideias

Como será que surgiu a ideia de fazer essa montagem?

Ideias levam tempo para amadurecer
É muito comum pensarmos naquela ideia genial que mudou o mundo do dia pra noite. Porém, na realidade uma ideia leva tempo até que seja transformada em algo palpável que cause impacto na vida das pessoas.

Para inovar e criar uma empresa a partir de uma ideia, é fundamental saber que ideias levam tempo para amadurecer e tomar a forma de algo que seja realmente aplicável na prática.

Boas ideias são um somatório de palpites
Uma ideia sozinha não serve pra muita coisa. Se você quer construir algo relevante, saiba que muitas outras ideias serão somadas à ideia inicial. Inclusive, se você pretende fazer uma ideia ter impacto, se prepare para ouvir palpites contrários à sua opinião.

Saber ouvir as pessoas e agrupar palpites à sua ideia é o que diferencia as pessoas que conseguem construir algo das que ficam só no mundo das ideias.

A inovação acontece quando as pessoas estão conectadas
O pensamento comum é de que as ideias inovadoras surgem quando você está trancado em um laboratório focado em resolver algum problema específico e tem a sorte de pensar em uma ideia genial. Porém, a construção de uma boa ideia (soma de palpites) é acelerada quando você se conecta com outras pessoas.

Pra resumir, tem uma frase muito bacana do vídeo: A sorte favorece as pessoas que estão conectadas.

(Link para o vídeo no Youtube)

Conclusão
Na prática, pra que sua empresa tenha um grande diferencial competitivo, você precisa ser uma máquina de geração e execução de ideias.

Se você quiser se aprofundar no assunto, recomendo muito ouvir o episódio 1 do Empreendecast: como gerar ideias para sua empresa.

Abraços,
Millor Machado (a favor de boas ideias)

Obs.:  Impressionante como os corretores ortográficos ainda não aprenderam que ideia não tem acento!

  • “Uma ideia sozinha não serve pra muita coisa. Se você quer construir algo relevante, saiba que muitas outras ideias serão somadas à ideia inicial.”

    As vezes eu tenho medo de expor a minha idéia. Mas olhando por esse lado de que a idéia inicial é quase que impraticável. Podemos considerar que ninguem vai acreditar muito em sua idéia ou rouba-la se conhecer apenas o core da idéia sem conhecer os meios pelo qual se chegará ao resultado.

    Estou certo Millor?

    Abraços

    • É exatamente esse o raciocínio! Uma ideia só, semmuito detalhamento não adianta muito.

      Abraços!

      Em 02/10/2010, às 21:17, “Disqus” escreveu:

  • Muuuuuuito bom esse post! Foi como uma confirmação para uma intuiçao! =)

  • Dercio Alfazema

    Genial…

  • Perfectcont

    O Vídeo é muito bom, e o livro é indispensável para empreendedores que queiram inovar e ou equipes de consultoria!