A dificuldade de vender um serviço

A dura realidade de quem presta serviços



A dificuldade de vender um serviço

Apesar da tirinha retratar especificamente a vida de um artista, não tenho dúvida que pessoas de outras áreas também sofram essa dura realidade.

Pensei em alguns profissionais afetados por esse fenômeno do “não custa nada para prestar um serviço”, mas sei que essa lista pode crescer muito.

  1. Blogueiro
  2. Consultor
  3. Arquiteto
  4. Advogado
  5. Contador
  6. Assessoria de imprensa
  7. Desenvolvedor
  8. Designer
  9. Palestrante
  10. Fotógrafos
  11. Tradutor
  12. Assistência técnica
  13. Artesão
  14. … (deixe sua sugestão nos comentários)

Por sinal, vale a pena ressaltar que o blog Will Tirando, de onde veio a tirinha, é simplesmente sensacional! Vale a pena dar uma conferida no trabalho do Will Leite.

Além disso, nós do Saia do Lugar também temos nossas tirinhas. Se você gosta de tirinhas de humor corporativo, não perca: As aventuras de O Cara.

Abraços,
Millor Machado (a favor da valorização dos prestadores de serviço)

Aproveitando a deixa, existem uma ótima forma de demonstrar apreço pelo nosso trabalho por aqui.

Comprar o Desenvolvimento de Produtos sem Enrolação: Nosso e-book contando as histórias do desenvolvimento do Empreendemia. Se você pretende criar um produto na área de tecnologia, realmente vale a pena conferir as lições que aprendemos.

  • Andrea

    Por incrível que pareça, quem organiza eventos sofre também. Organizo eventos muito bons na área de produção de cana de açúcar. Meus eventos anuais já têm 15 anos de existência e são referência no setor. Mesmo assim, ano após ano, eu recebo e-mails e ligações de oportunistas que não querem comprar nem uma cota de patrocínio, mas que querem pendurar “só um banner” ou “só distribuir um folheto”. Mais ainda, há sempre aquela empresa que pede para patrocinar DE GRAÇA (juro!) e que jura de pé junto que no ano seguinte vai comprar a cota. Não senhor! Não mesmo! Temos que valorizar o nosso trabalho e não cair na conversa de aproveitadores.