Medium: 21 perfis que são de leitura obrigatória para quem quer crescer

Você já percebeu o valor do Medium na geração de conteúdo para a sua empresa? Se não, ainda dá tempo! A plataforma tem ganhado cada vez mais espaço aqui no Brasil, tanto entre os empreendedores quanto entre as empresas.

Principalmente, pelo fato de ser possível explorar um conteúdo de qualidade mais aprofundado para seu público, sem perder a característica de uma rede social. Ou seja, o público não é atraído pelo bom SEO, mas sim pelo bom conteúdo gerado.

Pensando em te ajudar a conhecer melhor a plataforma e fazer parte dessa tendência, separamos 21 empresas e empreendedores que você tem que seguir para começar a se aventurar por lá. Confira:

1. João Kepler

João Kepler é empreendedor, escritor, palestrante e um dos grandes investidores brasileiros. É bastante conhecido por esta prática e também por procurar difundir as informações sobre a área para o público em geral, por meio de postagens constantes na internet. Escreveu livros como “Vendas 3.0″ e “O Vendedor na Era Digital”, além de ser reconhecido como uma das pessoas que mais ajudam o ambiente empreendedor do país.

2. Mathieu Le Roux

Está no mercado de startups há mais de 15 anos, tendo participado do lançamento da Amazon em Paris, em 2000. Atualmente, comanda um projeto super interessante chamado “Le Wagon” — um bootcamp, isto é, um programa de ensino imersivo de programação que forma desenvolvedores em pouco mais de 2 meses.

3. Ícaro de Carvalho

É o criador e redator do “O Novo Mercado”, uma escola de negócios criativa. Seu perfil na plataforma contempla mais de 9 mil seguidores, que procuram saber sobre empreendedorismo e demais assuntos que envolvem esse cenário.

4. Dan Pedersen

Dan Pedersen criou uma das páginas mais famosas do Medium, a “Personal Growth” (Crescimento Pessoal). De uma maneira criativa, ele inspira milhares de pessoas a como dar sentido para uma vida caótica. Vale a pena conferir!

5. Luiza Terpins

Luiza é produtora de conteúdo para a Revista GOL e também uma das organizadores do “Startup Weekend”, o maior evento de startups do mundo. Em seu perfil, ela produz textos que envolvem assuntos como tecnologia, viagens e empreendedorismo.

6. Julio Fontes

Julio Fontes é CEO da “Coletividad”, o primeiro espaço co-learning do país! Nunca ouviu falar neste termo? De forma geral, ele representa uma grande tendência no modo em que aprendemos as coisas. Siga o perfil do Julio e fique por dentro!

7. David Heinemeier Hansson (DHH)

Esse empreendedor já criou empresas como o “Ruby on Rails”, um famoso framework, o “Basecamp” ou “37signals”, um companhia de aplicativos web situada em Chicago, além de ser autor dos best-sellers “Remoto: Escritório não obrigatório” e “Reinvente sua empresa: mude sua maneira de trabalhar”. Não precisa citar que ele tem muito conteúdo a compartilhar, né?! Segue lá!

8. Paulo Tenorio Filho

Esse alagoano é designer e empreendedor apaixonado. Por isso, criou a “Trakto”, um editor de fotos na web bastante intuitivo. O objetivo principal é ajudar as empresas a entregarem um conteúdo de marketing digital de alto nível em suas campanhas.

9. Jeff Bullas

Em sua descrição na plataforma Jeff Bullas deixa claro: compartilhando o que funciona. E é isso o que você poderá acompanhar no perfil desse experiente australiano que é um dos maiores especialistas em marketing de conteúdo do mundo!

10. Kevan Lee

Ele é diretor de marketing na “Buffer”, uma plataforma de gerenciamento de redes sociais. Compartilha conteúdos da área e também sobre sua carreira!

11. Fábio Seixas

Fábio Seixas é líder de projetos de inovação há mais de 10 anos, hoje comanda a “SmartTaylor” e a “Camiseteria”, um e-commerce de camisetas em que quem escolhe a estampa é o usuário.

12. In Hsieh

Seguir o In Hsieh, esse brasileiro com descendência chinesa, é quase obrigatório se você deseja ser um empreendedor. Ele é um dos fundadores do “Submarino” e da “Baby.com.br”, além de apresentar o podcast “Man in the arena”, que conta com a participação de vários empresários. Atualmente é diretor do e-commerce da gigante Xiaomi na América Latina.

13. Steve Blank

Por fim, uma personalidade que não poderia deixar de ser citada quando o assunto é empreendedorismo mundial: Steve Blank. Ele é nada mais nada menos que um dos maiores autores sobre o tema no mundo, além de ser considerado um “empreendedor em série”. Criou a metodologia de Customer Development, que foi a base para o nascimento da Lean Startup.

14. Itaú

O Itaú é uma marca que desde os primeiros anos da plataforma Medium, se aventurou a criar conteúdos interessantes por lá e por isso, é uma das empresas precursoras a enxergar a importância dessa ferramenta.

15. Rock Content

Como vimos, a Rock Content é a maior empresa de Marketing de Conteúdo da América Latina e nos últimos tempos vem se aventurando a explorar os poderes do Medium fora das regras de SEO.

16. Neon

A empresa, um banco que tem vindo com uma proposta de revolucionar o mercado de finanças, encontrou na plataforma uma forma de atrair a atenção de seu público, se deslocar da ideia de que banco deve ser odiado por meio de entretenimento.

17. Runrun.it

Como o core business da Runrun.it é ensinar gestão para empresas e também fomentar a criação líderes ao invés de chefes, a estratégia aqui foi criar conteúdos em sua página do médium que dão direcionamentos de como alcançar melhores resultados nesses quesitos.

18. ContaAzul

Já a ContaAzul, um dos maiores sistemas de gestão empresarial web, utiliza sua página na rede social para criar conteúdos sobre sua cultura interna. Isso é muito legal e difere um pouco dos principais textos criados por empresas do mesmo segmento!

19. GE do Brasil

A GE do Brasil encontrou na plataforma um canal de divulgar e fomentar a discussão sobre as tendências tecnológicas — que acontecem a cada dia com mais frequência. Com isso, ela acaba se tornando uma referência no assunto, o que é muito bom para o crescimento de sua marca como um todo.

20. Marketing and Growth Hacking

A página Marketing and Growth Hacking, que foi criada por Lincoln Daniel, na verdade reúne um compilado de diversos autores que escrevem sobre o tema, de forma totalmente colaborativa. Portanto, se você quer saber sobre qualquer um desses assuntos, esse é um ótimo lugar.

21. Buffer

É um aplicativo de gestão de redes sociais e os conteúdos que a marca posta na plataforma são bastante relevantes sobre novas mídias e marketing.

Bom, esses foram alguns perfis que consideramos serem interessantes para você começar a seguir lá no Medium. Mas não pára por aí! Se você deseja ir além e abrir o seu próprio perfil oficial no site, confira algumas dicas básicas:

  • comece de algum lugar: não perca tempo tentando planejar o que escrever, o importante é começar;
  • **publique com frequência: **não adianta querer gerar qualquer tipo de audiência na plataforma se você não postar de forma recorrente por lá;
  • **promova sua página: **não fique de braços cruzados esperando que as pessoas descubram sua presença por lá!
  • engaje-se: não encare o Medium como sendo mais uma plataforma de blog. Não, esta é uma rede social e portanto, será preciso empenho para construir um engajamento. Uma boa forma de começar isso é gerando discussões a partir de textos publicados por outros que já possuem alguma audiência.

Gostou mais de saber sobre como o Medium tem conquistado espaço no mercado brasileiro? Então não deixe de compartilhar este post nas redes sociais!

comments powered by Disqus