Métricas de e-commerce como o seu termômetro de sucesso!

Métricas de e-commerce como o seu termômetro de sucesso!

1033
0
SHARE
métricas de e-commerce

Ter um negócio online, exige o mesmo esforço que qualquer outro tipo de empreendimento. É preciso ficar atento às tendências de mercado, aos seus concorrentes, entender o seu público-alvo e saber como divulgar o seu negócio na mídia.

Para acompanhar o crescimento da sua loja online existem as métricas de e-commerce que são uma espécie de um termômetro de sucesso. Elas são os facilitadores para te ajudar a entender o mercado e buscar sempre oferecer o melhor para os consumidores.

A vantagem do e-commerce é poder monitorar cada ação de um usuário em tempo real, mas, para isso, é preciso entender quais são as principais métricas que merecem a sua atenção, o que elas significam e como mensurá-las.

Neste post nós vamos te ajudar a desvendar os mistérios das métricas de e-commerce e tirar todas as suas dúvidas sobre elas.

O que são métricas de E-commerce?

Todo negócio possui uma performance, e as métricas são os resultados das coisas que podem ser mensuradas destas performances.

Elas não precisam ser de fatos números e podem ser de diversos setores de um negócio, como financeiro, vendas, marketing, etc.

Cada parte de um empreendimento possui as suas próprias métricas e  cada uma delas apontam para diferentes tipos de análises.

Por que elas são importantes para uma loja online?

Avaliar as métricas são partes fundamentais do sucesso de um negócio. Entender o desempenho do seu comércio online pode fazer toda a diferença na hora de propor estratégias novas para alavancar alguma coisa que não está indo bem no processo.

Tenha diferentes métricas para cada setor de um e-commerce e entenda o papel delas no contexto como o todo.

As métricas estão ligadas ao desempenho do que aconteceu e a previsibilidade do que está por vir e por isso elas são tão importantes. Saber o que deu errado e conseguir chegar no que causou isso no final das contas é uma das funções das métricas.

Através dos dados gerados por elas, suas decisões poderão ser tomadas com maior segurança e certeza de que aquilo é melhor para aquele momento do seu e-commerce.

Quais são as principais métricas de E-commerce que você deve ficar de olho?

A essa altura do texto, você já sabe porque as métricas de e-commerce são importantes para te ajudar a chegar nos seus objetivos de negócio. Acompanhe agora quais são as 8 métricas que serão o termômetro de sucesso do seu empreendimento:

CAC – Custo de aquisição de Clientes

É o CAC que vai te informar todos os gastos que você teve para adquirir um cliente. Para chegar a essa informação, é só fazer uma conta bem simples:

(soma dos investimentos para adquirir um cliente / número de clientes conquistados)

Para encontrar o seu CAC é importante documentar todos os gastos que você tiver desde o início do seu e-commerce. Nestes investimentos entrarão todos os gastos com publicidade e marketing como: email marketing, facebook ads, google ads, design, etc.

Quanto menor o seu CAC, melhor será para a saúde financeira do seu negócio. Isso significa que o que você gasta para atrair os seus clientes é menor do que o ticket médio deles com a sua loja.

Ticket Médio

Saber a média de quanto o seu cliente gasta na sua loja online pode ser fundamental para elaborar o seu plano de negócio e decidir quais serão os próximos passos que você dará.

Para encontrar o seu ticket médio, basta somar todo o montante das suas vendas e dividir pela quantidade de cliente que você tem:

(Soma do montante (R$)  /  Número de vendas feitas).

Com o acompanhamento do seu ticket médio, você consegue se programar e acompanhar o que falta para atingir as suas metas, seja ela semanal, mensal ou trimestral.

Obs: Nós aconselhamos a acompanhar nestes 3 espaços de tempo as suas metas e entender os fatores que podem afetar o seu negócio, como um feriado no meio da semana por exemplo.

Abandonamento de carrinho

Se o seu e-commerce tem uma alta taxa de visitas, um alto número de engajamentos mas possui uma taxa alta de abandonamento de carrinho significa que você está com problemas.

Identificar de onde vem esse problema, é fundamental para manter o seu desempenho positivo e manter em dia a saúde do seu negócio.

A conta para saber qual é a taxa de abandonamento de carrinho, é a seguinte:

(Nº de pessoas que colocam um produto no carrinho / Nº de pessoas que realizam uma compra) x 100

Identifique de onde vem o problema, se é na forma de pagamento, se é como os produtos ficam expostos no carrinho, etc. Trabalhe para acabar com os problemas e aumente as suas vendas.

Uma dica que faz toda a diferença para o abandonamento de carrinho é a lista de desejo. Se o carrinho de compra é esvaziado toda vez que o usuário fecha a janela do navegador, provavelmente ele pode desistir da compra mais facilmente, e por isso ter uma lista de desejos ou deixar o carrinho de compras gravado pode ser um diferencial do seu e-commerce.

Taxa de rejeição

A taxa de rejeição não está diretamente relacionada com o ato da compra, mas pode significar muito para entender quais aspectos que precisam ser melhorados no seu site.

A taxa de rejeição é o número que vai te informar qual a porcentagem de pessoas que saem do seu site sem cometer nenhuma interação.

Para encontrar a taxa de rejeição do seu e-commerce é só fazer a seguinte conta:

Rejeição = (visitantes que saem do site sem interagir / total de visitantes do site)*100

Vários motivos podem levar um usuário sair da sua página sem ao menos dar uma chance de interação, veja a seguir 3 exemplos que podem elevar a taxa de rejeição:

  • Aspectos visuais do site que levam a falta de confiança;
  • Quando o site abre uma landing page, que de fato não é o usuário estava buscando;
  • Pop up que não aparece sutilmente na tela;

Pense que toda essa taxa de rejeição são possíveis vendas que você deixou de fazer e por isso trabalhe sempre para manter esta taxa a mais baixa possível.

Taxa de conversão

Manter esta taxa alta, talvez seja o principal foco de um empreendedor. A taxa de conversão vai mostrar quantas vendas de fato estão sendo realizadas.

Para encontrar a sua taxa de conversão, é simples basta pegar o número dos visitantes que realizaram uma compra e dividir pelo número total de visitantes. Assim:

(Nº de visitantes que realizam uma ação / Nº de Visitantes) x 100

No final das contas, o importante mesmo é a quantidade de visitantes que vão virar clientes de fato. E por isso, a taxa de conversão é o termômetro do sucesso da sua loja online! Quanto maior for esta taxa, melhor para você e seus negócios.

Opt-In Conversion Rate

O email marketing deve ser uma estratégia explorada pelo seu e-commerce já que ela pode significar muito.

Mais do que ter um cliente, é ótimo para o seu negócio quando você consegue fidelizá-lo. Fazendo uma boa campanha de email marketing, você criará novas oportunidades de compras daquele cliente.

Opt-In Conversion Rate é a taxa que vai te informar quantas pessoas estão fornecendo o seus dados através de um campo de assinatura de newsletter.

Para encontrar a sua taxa de Opt-In Conversion Rate, basta pegar a quantidade de usuários que informaram o email e dividir pela quantidade de visitantes.

OPTIN = ( Opt-In / visitas )

Faça com que seus clientes forneçam a você os dados que são precisos para entender qual é o tipo de público do seu negócio e tenha a chance de fazer com que eles voltem a comprar no seu site.

ROI – Retorno sobre Investimento

Em qualquer tipo de negócio, saber qual é o seu retorno sobre tudo aquilo que você investiu, é peça chave para projetar novos objetivos de negócio. No e-commerce não é diferente!

O ROI pode mostrar se as coisas estão indo bem ou não, se a estratégia usada é a ideal e te ajuda a tomar decisões nos próximos investimentos.

Para encontrar o ROI do seu empreendimento basta usar a seguinte fórmula:

ROI = ((Receita – Custos) / Custos) *100

Lembre-se que o ideal é calcular o seu Retorno sobre Investimentos de acordo com o canal de aquisição de tráfego.

Exemplo: Facebook ads te dá o retorno de X% enquanto a divulgação através da estratégia de marketing de conteúdo traz o retorno de 3X%.

Cuidado, as métricas de vaidade podem enganar você!

Já falamos aqui sobre as métricas de vaidade, elas podem criar uma falsa sensação de sucesso. Por isso, saiba lidar com elas.

Curtidas nas redes sociais não são sinônimos de vendas e nem de visitantes no seu site, por exemplo.

Entender que as métricas de vaidade estão ligadas ao objetivo que você quer chegar. Se o seu objetivo é aumentar o engajamento com a sua marca, neste caso em específico, as curtidas representam e muito para alcançar o seu objetivo.

Este tópico é mais para deixar um aviso que nem toda métrica pode te indicar de fato se o seu negócio está dando certo e gerando lucro para você, se quiser saber mais sobre as métricas de vaidade, leia este post!

As ferramentas que podem te ajudar na análise das métricas

Existem algumas ferramentas que podem ser úteis na hora de juntar informações para analisar as suas métricas. Entre ferramentas pagas e gratuitas, nós vamos indicar neste post as duas principais ferramentas:

Google Analytics

O Google vai te ajudar na hora de monitorar o comportamento dos seus visitantes! Esta ferramenta vai te informar dados fundamentais para entender as suas métricas e conseguir calcular elas.

O Analytics é uma ferramenta gratuita e muito eficiente. Este o sistema de monitoramento do Google é indispensável para qualquer empresa.

KISSmetrics

Muito semelhante ao Analytics, o KISSmetrics é uma ferramenta paga – consequentemente, possui um leque maior de opções – que está ligada às métricas de receita do seu e-commerce.

Nela, é possível emitir relatórios, fazer teste A/B, entre outras diversas opções. O ideal é conseguir alinhar as duas ferramentas e obter o melhor resultado de informações para análise das suas métricas.

Conclusão

Se você quer entender a razão pelo crescimento ou não do seu e-commerce, as métricas farão a total diferença na sua vida.

Um bom empreendedor, vive com os números e busca sempre atingir seus objetivos e consequentemente o sucesso do seu empreendimento. Espero ter ajudado você, a entender a devida atenção que as métricas do seu e-commerce merece e como elas podem dizer muito sobre o seu negócio.

Quer saber mais sobre como aumentar as vendas do seu e-commerce? Leia este artigo.