Conteúdo útil para empreendedores em primeiro lugar

Conteúdo útil para empreendedores em primeiro lugar

1434
16
SHARE
ixi, to falando demais

A Empreendemia, como empresa, tem dois macro objetivos: (1) conectar e (2) orientar empreendedores – é assim que queremos melhorar o mundo: ajudando empreendedores.

Para o primeiro objetivo, nós usamos o Empreendemia, nossa rede para acelerar negócios entre empresas. Pro segundo, usamos o Saia do Lugar, este blog que você está lendo.

Aqui no blog, apesar de algumas características marcantes como o bom humor, os textos curtos e as portas abertas pra conversas, nós sempre priorizamos conteúdo de qualidade e muito prático. Algo que realmente faça diferença para qualquer empreendedor que esteja lendo.

Com o tempo e crescimento do blog (graças a vocês, nossos queridos leitores =D), começamos a enxergar maneiras de monetizar o blog – assim como já falamos no post sobre como ganhar dinheiro blogando sobre empreendedorismo. Ebooks, Cursos, Banners (vide media kit) e Posts Patrocinados.

ixi, to falando demais

Algumas pessoas acham que fazer um post patrocinado é se vender ou enganar sua audiência. É claro, às vezes existem algumas apelações não tão saudáveis, mas nós decidimos fazer de uma maneira diferente e deixar claro como funciona:

1- O conteúdo seria publicado de qualquer maneira

Qualquer Post Patrocinado aqui no Saia do Lugar continua cumprindo seu papel de ser conteúdo prático e útil para empreendedores. Ou seja, esse texto já seria publicado de qualquer maneira – no pior dos casos nós fazemos o assunto avançar na fila de artigos em espera.

2- Não fazemos jabá, colocamos o patrocinador como opção

Depois do conteúdo do artigo, nós apresentamos o patrocinador do post como uma opção em relação ao assunto. E é isso.

Não fazemos “jabá” nem vendemos nossa opinião – aliás, colocaremos nossa opinião apenas quando tivermos alguma experiência direta com esse patrocinador ou seu produto/serviço (fato que não ocorreu até hoje), o que independerá do texto ser patrocinado.

Vejam abaixo uma discussão entre dois leitores do Saia do Lugar. Ela mostra uma reação comum de algumas pessoas, mas depois mostra o ponto de vista de quem deu enfoque ao conteúdo e encarou o patrocínio como a apresentação de uma opção:

Nesse caso, o PlinioMKT fez nossas honras: o conteúdo era aquele mesmo, com ou sem patrocínio, a utilidade dele é simplesmente a mesma, com a diferença da (pequena) felicidade com a nossa conta bancária.

Conclusão

É uma forma de monetizarmos o blog, mas sem enganar ninguém, apenas usando nosso conteúdo e adicionando uma opção no artigo.

Afinal, alguém acha James Bond menos sinistro só porque a BMW ofereceu mais dinheiro do que a Aston Martin pra ele passar a usar uma BMW Z3?

Pra ver mais sobre como a sua empresa pode fazer campanhas no Saia do Lugar, não deixe de olhar nosso Media Kit.

Abraços,
Luiz Piovesana (ficaria felizão se a BMW também arranjasse um ‘carrinho’ pra Empreendemia)

  • http://www.maisqideia.com.br Diego

    Transparência e conteúdo direto, por isso gosto de ler o Saia do Lugar!
    Sobre a questão de patrocínio dos posts tenho duas considerações:

    1 – Internet é um espaço (também) para se fazer negócios… como aqui já foi escrito sobre ganhar dinheiro com blogs e tal, nada mais justo que o próprio Saia do Lugar fizesse isso (dignamente como foi informado neste post!)

    2 – Conteúdos com patrocínios – como esse do curso – são também interessantes pois capacitação é fundamental para qualquer empreendedor, mas uma vez que há uma propaganda – que não seja de forma enganosa com o objetivo / título do post – acredito que não tira os ensinamentos do próprio post… consumir o que a propaganda diz já é uma outra questão.

    Fica meu comentário e ponto de vista.

    Um abraço. Sucesso pra todos!

    Diego Cardeal
    @DiegoCardeal (…viu todo mundo faz propaganda, rs!)

    • Anônimo

      Olá Diego, tudo certo?

      Fico feliz em ver suas considerações e também em ver que gosta de ler o Saia
      do Lugar! Continue mandando seus comentários e críticas, eles serão sempre
      bem vindos!

      Abraços,
      Luiz

    • gabriel

      Gostaria de entrar em contato para ver como funciona e quanto custa estes posts patrocinados com voces. Com quem posso falar?

  • http://www.maisqideia.com.br Diego

    Transparência e conteúdo direto, por isso gosto de ler o Saia do Lugar!
    Sobre a questão de patrocínio dos posts tenho duas considerações:

    1 – Internet é um espaço (também) para se fazer negócios… como aqui já foi escrito sobre ganhar dinheiro com blogs e tal, nada mais justo que o próprio Saia do Lugar fizesse isso (dignamente como foi informado neste post!)

    2 – Conteúdos com patrocínios – como esse do curso – são também interessantes pois capacitação é fundamental para qualquer empreendedor, mas uma vez que há uma propaganda – que não seja de forma enganosa com o objetivo / título do post – acredito que não tira os ensinamentos do próprio post… consumir o que a propaganda diz já é uma outra questão.

    Fica meu comentário e ponto de vista.

    Um abraço. Sucesso pra todos!

    Diego Cardeal
    @DiegoCardeal (…viu todo mundo faz propaganda, rs!)

  • http://twitter.com/felipemendes87 Felipe Mendes

    A diferença p/ o comercial de TV é que vc SABE que vai entrar o break, isso fica claro. Não tenho nada contra vcs ganharem dinheiro c/ o conteúdo do blog, muito pelo contrário. Acho que é até justo em vista de todo o “apoio” que vcs dão aos empreendedores brasileiros. Só que eu tb me senti enganado c/ esse post da Anhembi. Isso pq só descobri que se tratava de um post patrocinado qdo já estava no final. Na minha opinião, vcs deveriam deixar mais claro que aquele post é patrocinado logo no começo, mais ou menos como o Brainstorm 9 faz: colocando um asterisco no começo e no final do título do post e uma faixa antes do post em que vai escrito: post patrocinado. Fica bom p/ vcs, fica bom p/ os leitores.

    É isso.

    Abs.

    • Anônimo

      Oi Felipe, tudo certo?

      Respeitamos seu ponto de vista, mas queria saber: por que você se sentiu
      enganado?

      Como falei no post, o conteúdo do post patrocinado não sofre nenhuma
      alteração pelo fato de ser patrocinado. Nosso conteúdo funciona assim:
      – Sempre que temos ideias de novos assuntos, juntamos numa lista chamada
      “ideias de posts”
      – no começo de cada semana traçamos quais serão os posts escritos com base
      nisso
      – Se vendemos algum post patrocinado, vemos com qual assunto da lista ele se
      encaixa e o colocamos como um dos posts planejados da semana.
      Por isso queria ouvir melhor de você o porquê desse sentimento de enganado –
      o você não gostou do conteúdo dele(s)?

      O exemplo que eu dei sobre o James Bond usar uma marca de carro (que pagou
      pra aparecer lá) é melhor do que o exemplo dos comerciais: nós criamos o
      conteúdo/marca e, com isso, algumas empresas se interessam em se associar a
      nós, assim como Aston Martin e BMW já pagaram muito pra terem suas marcas
      nos filmes do 007 e vários outros. Outro exemplo muito bom é o Dr. House
      usando o Nike Shox, mesmo que seja com terno.

      Obrigado pela dica de aviso antes do post começar. Mas nós ficamos receosos
      de isso parecer que o conteúdo foi modificado ou feito para o patrocinador,
      o que não seria verdade.
      Consegui explicar a diferença?

      Abraços,
      Luiz

    • Anônimo

      Oi Felipe, tudo certo?

      Respeitamos seu ponto de vista, mas queria saber: por que você se sentiu enganado?

      Como falei no post, o conteúdo do post patrocinado não sofre nenhuma alteração pelo fato de ser patrocinado. Nosso conteúdo funciona assim:
      – Sempre que temos ideias de novos assuntos, juntamos numa lista chamada “ideias de posts”
      – no começo de cada semana traçamos quais serão os posts escritos com base nisso
      – Se vendemos algum post patrocinado, vemos com qual assunto da lista ele se encaixa e o colocamos como um dos posts planejados da semana.
      Por isso queria ouvir melhor de você o porquê desse sentimento de enganado – o você não gostou do conteúdo dele(s)?

      O exemplo que eu dei sobre o James Bond usar uma marca de carro (que pagou pra aparecer lá) é melhor do que o exemplo dos comerciais: nós criamos o conteúdo/marca e, com isso, algumas empresas se interessam em se associar a nós, assim como Aston Martin e BMW já pagaram muito pra terem suas marcas nos filmes do 007 e vários outros. Outro exemplo muito bom é o Dr. House usando o Nike Shox, mesmo que seja com terno.

      Obrigado pela dica de aviso antes do post começar. Mas nós ficamos receosos de isso parecer que o conteúdo foi modificado ou feito para o patrocinador, o que não seria verdade.
      Consegui explicar a diferença?

      Abraços,
      Luiz

    • http://twitter.com/felipemendes87 Felipe Mendes

      Olá, Luiz, obrigado pelo retorno.

      Como disse no 1º comentário, me senti enganado por não ter sido avisado que o post era patrocinado ANTES de começar a lê-lo. Tudo bem que o conteúdo do post não sofre nenhuma alteração, mas, p/ mim, ainda assim deve ser avisado ANTES que ele é patrocinado. Aí fica a cargo da pessoa continuar a leitura ou não. Se vc não avisa ANTES, dá a impressão de que quer esconder que o post é patrocinado e forçar a pessoa a lê-lo.

      Qto ao aviso antes do post começar, é fácil resolver o problema que mencionou. Basta inserir uma observação de que embora o post seja patrocinado, não há nenhuma interferência do patrocinador no conteúdo editorial do post e do blog. Acho que assim fica mais transparente. É por isso que esse modelo é adotado por grandes blogs, entre outros, o Brainstorm 9, que citei no 1º comentário.

      Espero ter contribuído.

      Abs.

  • http://www.lindacoelli.com Lindacoelli

    Como simpatizante do Saia do Lugar e do Empreendemia, digo que os meninos têm toda razão em monetizar o blog e sentir-se “enganado” não é negativo, pois quando assito os filmes do James Bond sabendo que a BMW pagou para que ele usasse os carros, também me sinto assim, mas não deixo de assistir o filme, porque o conteúdo é “sinistro” como alguém aqui disse rs.

    O que é negativo é criticar a monetização do blog, eu só criticaria se estivesse com inveja de quem teve (um pouco de) dinheiro para patrocinar OU se estivesse com inveja dos meninos do Saia do Lugar/Empreendemia por estarem conseguindo (um pouco de) alegria na conta bancária.

    agora, o meu comercial 🙂

    • http://saiadolugar.com.br Millor Machado

      Oi Linda!

      Muito obrigado pelo apoio!

      Uma coisa que levamos muito a sério é a qualidade do conteúdo, por isso quase nunca postamos releases ou material produzido pelo próprio patrocinador. A ideia é fazer o texto que consideramos o mais útil o possível e citar o patrocinador como um exemplo.

      Na prática, pra nós é bom pois temos maior controle sobre o conteúdo, pro leitor é bom pois é o garantimos que o conteúdo é útil e pro anunciante é bom porque a visibilidade e taxa de cliques é muito maior do que um mero release.

      Bacana saber que temos leitores do nosso lado apoiando o pouco de alegria que conseguimos ter na nossa conta hehe

      Abraços!

  • Silvana

    Acho válido o patrocínio de posts, sempre preservando a qualidade do conteúdo e respeitando o leitor. Concordar ou não com as dicas que o texto traz e fazer proveito disso não te força a comprar o produto/serviço que está patrocinando o post. Este trabalho demanda tempo, conhecimento, dedicação e é justo que isso possa ser remunerado de alguma forma. Parabéns pela iniciativa e pelo trabalho.

    Abraços

  • Elisa Viana
  • Chico Montenegro

    É ISSO AI!!!!

    A explicação é ótima e eu como blogueiro penso o mesmo.

  • http://www.facebook.com/bernardodiasdacruz Bernardo Dias da Cruz

    Respeito a opinião do blog em relação a patrocínio. Mas confesso que tive um certo estranhamento ao ler a propaganda como exemplo. Funcionou, pois na hora abri o site patrocinador e até me imaginei fazendo os cursos. rs Mas logo estranhei a relação de uma coisa com a outra e depois vi que era patrocinado. Recomendo repensar esse formato, da pra melhorar. Boa sorte, e parabéns pelo blog. Ótimos artigos!

  • http://www.facebook.com/people/Maycon-D-Silva/100000329664715 Maycon D. Silva

    Eu Vejo de seguinte forma, os post são de otima qualidade, os assunto enfluênciam no dia-a-dia de um empreendedor, então leia e retenha o que é de bom, como tudo na vida afinal de contas o blog também precisa de apoio não só dos leitores mas também financeiros. nesse caso eu apoio o Luiz Piovesana. Abraço

  • Roseli A,N

    As melhores opções em Plano de Saúde, Empréstimos Consignado, Seguro de Vida e Previdência Privada você só encontra na FR Promotora. Veja mais detalhes no site https://www.frpromotora.com/servicos.php?id=45126134.