marketing de permissãomercado financeiro vem surgindo em resposta a uma base de consumidores cada vez mais exigentes — e que dependem da tecnologia para simplificar e agilizar suas tarefas diárias.

">

Marketing de permissão: Pedir permissão para entrar em contato com o público gera mais resultados?

Ninguém gosta de receber propaganda sem estar interessado, não é mesmo? Então que tal pedir permissão?

Ninguém gosta de receber propaganda sem estar interessado, não é mesmo? Então que tal pedir permissão?

Já faz um tempo que estamos vivendo uma realidade diferente, tanto que alguns profissionais de marketing dizem que as ligações de telemarketing e os comerciais de televisão estão com os dias contados, pois ações tradicionais como essa que são consideradas publicidade de interrupção não são mais bem aceitas pelo consumidor que está cada dia mais seletivo.

Isso está acontecendo muito pelo fato da internet estar empoderando as pessoas com o acesso à informação e também assumindo um papel importante em toda a sua jornada de compra. Ou seja, nesse canal não há mais espaço para propagandas indesejadas.

Então, para as empresas, fica o questionamento: Por que ao invés de perturbar um cliente em potencial, não incentivá-lo a pedir para receber sua comunicação voluntariamente?

Pois bem, para você que está achando que isso é impossível, vamos apresentar nesse post uma das maneiras mais eficientes de fazer isso: o marketing de permissão!

Para saber mais, continue lendo!

O que é o marketing de permissão

Um dos maiores gurus do marketing digital, Seth Godin, define o marketing de permissão da seguinte maneira:

“É a arte de tornar um estranho um amigo, e o amigo, um cliente.”

Conceitualmente, não tem muito segredo, é o ato de pedir permissão para enviar qualquer ação de marketing para o cliente.

Sendo assim, através dele é possível se comunicar somente com quem realmente tem interesse no seu segmento de negócio, produtos e serviços.

Isso faz com que qualquer empresa crie relacionamento com leads e clientes que sejam duradouros.

Geralmente, esse tipo de prática é adotada em ações de email marketing em que o cliente se inscreve na lista de emails de um negócio, para receber sua comunicação, porém o marketing de permissão é aberto para qualquer ação.

Esse jeito de fazer negócio está dando tão certo que de acordo com a Direct Partners, 35% das empresas usam o email marketing como principal ferramenta de divulgação de seus serviço e que 28% delas consideram esse como método com melhor desempenho e com maior facilidade de mensuração de resultados.

Sendo assim, vamos fornecer algumas dicas rápidas para você se dar bem com o marketing de permissão:

1 – Ofereça incentivos

Para ter uma maior aceitação do público em receber suas propagandas, é preciso ter uma moeda de troca. Então, ofereça algum tipo de recompensa em troca da permissão de obter o endereço de email das pessoas.

2 – Cative o cliente

Antes mesmo de vender o seu produto ou serviço, procure ganhar primeiro a confiança do cliente. Uma das maneiras de fazer isso é focando bastante no marketing de conteúdo com a finalidade de trazer coisas novas e que ajudem-o com seus problemas.

3 – Melhore o relacionamento

Não é só porque o cliente se inscreveu em uma newsletter que signifique que ele confia na empresa. Afinal, é necessário conquistá-lo diariamente!

Dessa maneira será possível ganhar cada vez mais permissões em troca de mais incentivos, fortalecendo esse relacionamento.

Exemplos de marketing de permissão

Antes de falarmos sobre algumas maneiras que um negócio poderá utilizar o marketing de permissão, vamos apresentar 4 princípios que devem ser seguidos, segundo o próprio Seth Godin:

1- Considere que ninguém deseja receber informações a respeito do seu negócio ou qualquer conteúdo que você está querendo divulgar;

2- Toda permissão dada pelo cliente em receber essas informações é intransferível, ou seja, não poderá ser passada para terceiros;

3- Essa permissão é totalmente revogável, isso quer dizer que o cliente pode deixar de receber o seu conteúdo caso não queira mais;

4- A permissão também não é estática, ou seja, ela poderá ser totalmente flexível dependendo do grau de interesse que o cliente tem com o seu negócio.

Pois bem, as ações que envolvem o marketing de permissão são aquelas que podem e devem solicitar a confirmação do usuário, se ele gostaria de receber as propagandas, divulgações e novidades da sua empresa.

Seguem alguns exemplos de como isso pode ser feito:

  • Um campo de inscrição ao final de posts em blogs solicitando o envio de materiais complementares por email caso o usuário tenha interesse;
  • Landing Pages de solicitação de contatos comerciais ou de consultores especializados no segmento da empresa;
  • Disponibilização de local para que o usuário possa se cadastrar e escolher quais informações ou conteúdo gostaria de receber, conforme seu interesse;
  • Formulários de cadastro para enviar informações sobre produtos ou serviços;
  • Cadastro para receber novidades semanais (newsletter);

Lembre-se que nesses formulários e landing pages deverá ser solicitado somente informações básicas e que não sejam sensíveis. Isso fará com que mais pessoas se sintam à vontade em se cadastrar.

Não se esqueça também de que caso o cliente queira se descadastrar, isso deverá ser feito imediatamente e de uma maneira que seja fácil para ele.

Vantagens e Desvantagens do marketing de permissão

Agora que você já entendeu bem sobre todo o conceito do marketing de permissão e as suas boas práticas, vamos destacar algumas de suas vantagens:

  • É uma prática que ajuda a diminuir a quantidade de spam que é disparado pela internet;
  • Demonstra que o negócio possui respeito pelo seu cliente e quer desenvolver um relacionamento pautado somente no seu interesse;
  • Garante que somente o dono do email possa se cadastrar para receber as informações;
  • Oferece a possibilidade da empresa defender-se caso esteja sendo acusada da prática de spam;
  • Permite que o negócio crie relacionamentos e fale somente com quem realmente importa: pessoas interessadas no que eles têm a dizer/vender;
  • Com a comunicação mais focada em somente quem tem interesse, a garantia de retorno é bem maior;
  • Redução do risco da empresa ter uma fama de “chata” ou “desnecessária”

Apesar dessas vantagens, a empresa ainda precisará tomar o cuidado de disparar emails ou qualquer outro tipo de comunicação em uma frequência que seja ideal e não muito intensa. Caso contrário, o usuário poderá entender que estará recebendo um contato abusivo ou spam.

Além disso, obviamente há algumas pequenas desvantagens que se você parar para analisar. Elas nem são tão impactantes e não representam grandes perdas para o seu negócio, veja quais são:

  • A sua lista de contatos vai diminuir;
  • Muitos usuários podem desistir de se cadastrar pois irão achar o processo “burocrático demais” ou então por motivo de falhas, como por exemplo, não localizarem o email de confirmação de cadastro em sua caixa de entrada;

Lembre-se que uma lista menor não é necessariamente pior que uma lista maior, pense que apesar da quantidade ter diminuído, a comunicação será bem mais assertiva, com maiores chances de retorno.

Sem contar que é muito melhor assumir essas desvantagens do que ficar com uma fama de uma empresa que somente quer distribuir spam por aí!

Quer saber mais sobre o marketing de permissão? Então, acesse esse link!

  • Muito bom Letícia! O marketing de conteúdo e o inbound marketing trabalham desta forma. E esse é o caminho do novo marketing 3.0 … nada de se tornar inconveniente e entrar para lista de SPAM… Além desse benefício, o marketing de conteúdo pode resolver alguns problemas empresariais também. Fiz um artigo falando sobre 5 Problemas empresariais que você pode resolver com Marketing de Conteúdo. Segue o link para você dar uma olhadinha e me dizer o q achou: http://whyscomunicacao.com.br/5-problemas-empresariais-que-voce-pode-resolver-com-marketing-de-conteudo/

    • Letícia Abrantes

      Olá, @whyscomunicacao:disqus!! Gostei muito do seu conteúdo e da contribuição que você fez através do seu comentário 😀

    • Obrigada @leticiaabrantes:disqus ! Seu site tem feed? Quero continuar seguindo seu trabalho. Grande abraço.

    • Letícia Abrantes

      Nós estamos sempre lançando materiais e enviando newsletter para os nossos leitores! Dá uma olhadinha no último lançamento: http://materiais.rockcontent.com/gestao-empresarial

      Beijos!

    • Vou baixar sim!!! Obrigada.

  • شات الخليج

    this is nice topic and Gostei muito do seu conteúdo e da contribuição que você fez através do seu comentário

    شات الخليج
    الخليج

    • Letícia Abrantes

      Agradeço pelo feedback! 😀