erros comuns de marketing digital

5 erros comuns de marketing digital que sua startup pode evitar

O Marketing Digital é muito utilizado por startups, principalmente por ser uma alternativa mais barata, eficiente e mensurável — quando comparada com estratégias de marketing tradicionais.

O Marketing Digital é muito utilizado por startups, principalmente por ser uma alternativa mais barata, eficiente e mensurável — quando comparada com estratégias de marketing tradicionais.

No entanto, para sua startup ter sucesso com os resultados de uma estratégia de Marketing Digital, é preciso estar atento e não cometer erros.

Neste post, vamos falar sobre alguns dos erros mais comuns de Marketing Digital cometidos pelas startups. Confira!

1. Não investir em Inbound Marketing

Antes de começar a colocar qualquer planejamento de Marketing Digital, é preciso entender a relevância do Inbound Marketing nos dias de hoje — inclusive de modo a definir a persona ideal para o negócio.

De maneira simplificada, definir uma persona consiste em construir um perfil com as principais características do cliente ideal de um produto ou serviço.

Nesse sentido, deve-se obter informações relevantes sobre os hábitos de consumo, as preferências pessoais, as dores e os problemas específicos que o seu público-alvo possui.

O investimento em Inbound Marketing é uma estratégia muito interessante para startups pelo seu baixo custo e alta capacidade de segmentação, que faz com que sua startup possa atingir o público certo.

O Inbound é uma estratégia que consiste em atrair uma audiência para o seu site, normalmente através de conteúdo, e manter um relacionamento (por Email Marketing, mídias sociais etc.), fazendo-o passar por vários estágios, desde Lead até cliente.

Ao focar na persona e sabendo em qual estágio cada um dos seus Leads estão é possível criar campanhas segmentadas e que agregam mais valor para quem você deseja atingir.

2. Não usar o Email Marketing da maneira adequada

O Email Marketing é uma ferramenta poderosa para o Marketing Digital. Contudo, é preciso usar a ferramenta da maneira correta. O contato por email deve ser feito somente com o aval dos potenciais clientes. Isso significa que não adianta comprar listas de email.

Essa prática pode parecer menos trabalhosa para quem está começando a implementar ações de Inbound Marketing, no entanto, trata-se de uma péssima conduta — que pode ser muito crítica para a imagem da startup.

Um email não autorizado tem grandes chances de ser marcado como spam. Ou seja, ao comprar listas de emails, você irá gastar todo o seu tempo construindo campanhas de marketing que não serão recebidas pelas pessoas. Além disso, seu domínio sofrerá com uma má reputação, e no futuro pode ser que até mesmo uma lista “limpa” de email não receba suas mensagens.

É por essas e outras razões que criar Landing Pages para a captura de email ou oferecer assinatura de newsletters são opções mais interessantes e eficientes para aumentar a base de contatos.

Quando uma pessoa dá permissão para que você entre em contato com ela por email, isso indica que está disposta a ouvir sua mensagem. Então faça Email Marketing corretamente e não perca tempo com quem não está realmente interessado no conteúdo oferecido por sua empresa.

3. Não ter um planejamento de Marketing Digital

Para ter bons resultados, além de produzir conteúdo relevante para a persona, deve-se saber quais são os melhores canais para fazer a divulgação das mensagens.

É preciso, inclusive, diversificar os meios onde os conteúdos podem ser postados. Investir esforços na nutrição de Leads apenas no blog, por exemplo, pode não ser suficiente para alcançar as metas definidas pela empresa.

Assim, planeje realizar a distribuição de mensagens em diferentes mídias sociais (como Facebook, Twitter, Instagram etc.) além do Email Marketing e do blog da sua startup.

Outra dica é elaborar um calendário editorial para as campanhas de marketing e produção de conteúdo. Essa técnica facilita bastante a conquista dos resultados almejados.

Além de possibilitar que os conteúdos sejam produzidos com antecedência e garantir uma otimização no cumprimento de prazos, ter um calendário editorial também oportuniza um bom fluxo de publicações. Manter a frequência da produção de conteúdos é essencial para o sucesso em sua estratégia de Marketing Digital.

4. Não mensurar os resultados

Para saber se as estratégias de marketing que sua startup está usando são realmente eficientes, é necessário mensurar, acompanhar e analisar os resultados obtidos.

Métricas como taxa de cliques, taxa de conversão, número de Leads gerados, retorno sobre investimento (ROI), entre outras, são indicadores de performance que podem ser usados para acompanhar e analisar as ações de Marketing Digital para sua startup.

No entanto, esses e outros indicadores de desempenho não devem ser utilizados de forma aleatória. É fundamental saber o que medir em cada etapa, além das finalidades de cada métrica.

Dessa forma, os indicadores de desempenho que serão escolhidos para mensurar os resultados de marketing devem ser aqueles que melhor se adequem aos objetivos previamente definidos pela sua empresa.

Tenha cuidado com as chamadas “métricas da vaidade”, que não indicam realmente se as ações de marketing estão contribuindo para o crescimento do negócio. De que adianta saber o número de curtidas que a startup tem no Facebook. Isso não expressa, efetivamente, o número de novos clientes que serão conquistados.

5. Não investir em SEO

Para que o público-alvo possa achar o blog da sua startup nos mecanismos de busca do Google, é preciso otimizar o ranqueamento do site.

Para isso, deve-se identificar quais as palavras-chave relacionadas ao negócio que estão sendo muito pesquisadas pelo público. A partir da seleção e do acompanhamento do ranking das palavras-chave, utilize-as para otimizar o conteúdo que será produzido.

Além disso, faça uso de links internos, link building e outras práticas. Ao linkar um post a outros conteúdos já produzidos sobre assuntos similares, por exemplo, você pode gerar mais tráfego dentro do próprio site.

Quanto mais tempo os visitantes ficarem na sua plataforma, maiores são as chances deles se tornarem, posteriormente, novos clientes.

Investir em técnicas de SEO, portanto, é de grande importância para que as pessoas que se interessam por seus produtos e serviços acessem o conteúdo produzido.

Identificou-se com algum dos erros descritos acima? Já cometeu algum e aprendeu na prática? Saiba que isso é só uma introdução e há muitas outras ações que sua startup pode fazer para conquistar mercado e novos clientes.

Quer saber mais e ver exemplos práticos? Então assista ao webinar Marketing Digital para startups e entenda melhor como o Marketing Digital pode ajudar na busca e construção de um modelo de negócio.

Artigo produzido pela equipe do Resultados Digitais.

  • Claudio Santos

    Que ótimas dicas! Obrigado pelo conteúdo de valor!

    Sem dúvidas se priorizarmos esses pontos apresentados as nossas conquistas serão mais rápidas e menos penosas de se realizar.

    Claudio Santos investidor através do método apresentado no:
    http://melhorinvestimentohoje.com/

    • Renato Mesquita

      Fico feliz que o nosso conteúdo tenha te ajudado de alguma forma, Claudio!