Os 7 erros mais temidos pelos candidatos em uma entrevista de emprego

Os 7 erros mais temidos pelos candidatos em uma entrevista de emprego

887
0
SHARE
entrevista de emprego

A hora de procurar um novo emprego! Você chegou a conclusão de que precisa mudar os rumos da sua carreira, está desempregado ou mesmo está em busca da primeira oportunidade no mercado de trabalho.

Independente de qual desses seja o seu caso, você possivelmente passará por todo o processo que a maioria dos cargos atualmente exige, e com certeza esse processo incluirá uma ou mais entrevistas.

Esse é o momento em que muitos candidatos ficam desconfortáveis, inseguros ou mesmo seguros demais e acabam cometendo erros que podem comprometer suas chances de alcançar a vaga em questão, causando uma péssima primeira impressão.

E, nesse caso, a primeira impressão é a que costuma ficar, ou pelo menos fazer toda a diferença para que você tenha chances de passar para as próximas etapas ou ser contratado.

Por isso, fique atento aos erros abaixo para não cometê-los em nenhuma hipótese. Eles são os piores e — acredite — os mais comuns, que apavoram os recrutadores e mancham a imagem de qualquer candidato, por mais qualificado que ele seja.

Atrasos

Exemplo: A entrevista estava agendada para às 16:00 horas. Você descobriu, pelo Google Maps, que leva apenas 20 minutos para chegar a sede da empresa, e por isso vai sair de casa às 15:30. Porém, o que você não previa era que uma manifestação a favor dos pinguins da Malásia estivesse acontecendo e, com isso, você chegou às 16:20. E outra entrevista já estava agendada para às 16:30.

Imprevistos acontecem e se você realmente deseja encontrar uma oportunidade de emprego, não pode contar com a sorte.

Mais que sair de casa em um horário viável, você deve conhecer a rota, conhecer as opções de trajeto, entender como está o trânsito nesse horário (horários de pico e de almoço, por exemplos, são mais complicados) e se certificar que o endereço que você tem está certo.

Além disso, 10 minutos de antecedência é o mínimo esperado para sua chegada, garantindo que a sua entrevista acontecerá no horário programado e que você realmente é pontual e está comprometido com essa oportunidade.

Não saber nada sobre a empresa ou sobre a vaga

Exemplo: Você se candidatou para a vaga de Analista de uma empresa de Engenharia. Você, com um bom currículo e conhecimento em diversas áreas, se sente preparado para o cargo e está muito ansioso para trabalhar em sua área de formação. Na hora da entrevista, o recrutador pergunta: “Nós ficamos surpresos com o seu currículo se candidatando para a vaga de Analista de Redes Sociais, mas notamos seus conhecimentos em Marketing. Porque não quer mais trabalhar com Engenharia de Produção?”

Muitas pessoas, no desespero de encontrar uma oportunidade de emprego, acabam se candidatando a dezenas de vagas sem dar atenção especial aos detalhes tanto do cargo quanto da empresa em questão.

E, ao serem questionados durante a entrevista é que se dão conta que essa vaga não é de seu interesse, desperdiçando tanto o tempo do recrutador, que possivelmente perceberá a sua reação, quanto o próprio.

Por isso, desde a hora de se candidatar até os momentos que antecedem as entrevistas, pesquise sobre o cargo, a empresa e chegue preparado para atender às expectativas do entrevistador por seu interesse e também por seu conhecimento a respeito da empresa.

Ter mentido no currículo ou mentir na entrevista

Exemplo: Você chegou na entrevista! No horário certo, para a vaga certa. Tudo está correndo muito bem. De repente, a entrevistadora diz “Agora vou chamar o nosso CMO para bater um papo com você. Ele se chama John, é americano, e só quer se certificar a sua proficiência em inglês”. Isso porque, no currículo, você colocou “avançado” mas na verdade o seu inglês está bem mais para “básico”.

Mentir a respeito das suas informações, seja no currículo ou durante a entrevista, pode comprometer todo o seu processo de contratação, além de ser extremamente constrangedor e desconfortável. Afinal, a maioria das informações podem ser certificadas durante a entrevista ou no processo seletivo.

Por isso, seja transparente com relação ao seu conhecimento, suas experiências anteriores, sua formação e quaisquer outras informações perguntadas pelo recrutador.

Falar mal dos empregos anteriores

Exemplo: “Eu optei por sair da minha antiga empresa, embora gostasse muito da equipe, por causa de uma das responsáveis pelo meu setor que claramente tinha alguma coisa contra mim, quando na verdade ela era desonesta e eu não tolerava isso”.

Falar mal das suas experiências anteriores vai dizer muito mais a respeito de você mesmo do que delas. Afinal, isso não importa para o recrutador, e sim o que você acrescentou e o que essa experiência acrescentou em você.

Caso os seus motivos de saída do antigo emprego envolvam incompatibilidades ou discordâncias com a empresa anterior, responda apenas que você está em busca de novas oportunidades que combinem com seus objetivos. Não é uma mentira e ao mesmo tempo não será ofensivo.

Postura inadequada

Exemplo: Durante a entrevista, o recrutador dá um exemplo de situação de conflito em um time, e pergunta qual a sua posição diante dessa situação. Você responde “Pqp, isso é f*** mesmo!”

Linguagem inadequada, abusar da informalidade, ser soberbo em relação às suas qualificações, abusar da autoconfiança, arrogância e até uso de roupas inadequadas podem representar bons exemplos de falta de postura.

E todas elas podem ser o divisor de águas entre os candidatos que representam o perfil da empresa e os que não serão levados para as próximas etapas.

Lembre-se que, por mais que a empresa seja informal, você deve se comportar de maneira profissional e adequando o seu comportamento ao ambiente. A ideia não é atuar ou fingir ser alguém diferente, mas agir com respeito, cautela e sem exageros.

Falar demais ou de menos

Exemplo: Trata-se de uma entrevista em grupo. Ou seja, vários candidatos para a mesma vaga estão em uma sala, respondendo às mesmas perguntas. E você ………… [mudo].

Não é incomum que algumas empresas realizem entrevistas coletivas, para poupar tempo e também avaliar o desempenho do candidato diante desse contexto.

Nesses casos, se sentir intimidado pelos outros candidatos e ficar completamente mudo ou evitar ao máximo falar pode ser péssimo e demonstrar que você é inseguro. Lembre-se que se todos vocês foram convidados e estão sendo avaliados, de alguma forma estão no mesmo nivelamento para o recrutador.

Mas, se você fala demais e interrompe os demais candidatos, ou der informações desnecessárias, isso demonstra que você tem dificuldades de trabalhar em grupo ou que gosta de ser o centro das atenções. Por isso, tenha equilíbrio, responda com calma e clareza a todas as perguntas feitas e interaja sem cometer excessos.

Não prestar atenção

Exemplo: Mesmo contexto, entrevistas em grupo. O entrevistador faz uma pergunta para o candidato ao seu lado e você está prestando atenção… na roupa que ele está vestindo. Nessa hora, o recrutador pergunta se você concorda com a opinião dele. Você, sem saber exatamente qual a resposta, concorda! Ele havia acabado de afirmar que era a favor da pena de morte.

Foco! É uma palavra fundamental para qualquer entrevista, seja em grupo ou individual. Não dar atenção ao que o recrutador diz ou pergunta demonstrará que você é desleixado, desatento e que não está tão interessado na vaga.

Por isso, preste atenção no entrevistador e em todos os envolvidos e evite distrações, para garantir que você conseguirá responder a todas as perguntas feitas de maneira clara e confortável.

Conclusão

Os exemplos podem parecer exagerados, mas todos são possíveis de acontecer com você ou com qualquer pessoa.

Por isso, acima de tudo, na hora de participar de uma entrevista de emprego, seja honesto, simples, claro e profissional! Esses quatro fatores serão determinantes para que você se saia bem, com tranquilidade e aumente suas chances de ser contratado!

Agora, se você ainda não montou o seu currículo ainda, lembre-se que ele é tão importante quanto sua postura durante a entrevista. Por isso, confira algumas dicas nesse post: Como fazer um currículo ideal.

Dica: Está procurando a vaga ideal em marketing ou vendas? Conheça o Rock Jobs e conquiste o seu emprego dos sonhos.