Empretec, o melhor curso de empreendedorismo que já fiz

Quando me formei em Sistemas de Informação, já trabalhava em uma empresa da família (escritório de contabilidade) e tinha sempre a ideia de ter meu próprio negócio, dentro da minha área de formação e paixão.

No último ano da faculdade, em 2002, convidei 2 colegas para serem meus sócios. Estava fundada a empresa, com 3 pessoas totalmente técnicas, que sabiam desenvolver softwares, mas que entendiam quase nada de gestão.

Depois de 2 anos de empresa, estávamos progredindo, mas em ritmo lento. Precisava de uma reciclagem para estimular o lado empreendedor, algo que pudesse acelerar isso tudo. Foi quando em uma conversa com um cliente, ele me falou do curso EMPRETEC. O curso possui uma metodologia criada pela ONU, para desenvolver empreendedores ao redor do mundo. No Brasil, o Sebrae é o responsável por aplicar o curso.

Uma curiosidade interessante é que no início do curso, as pessoas entram se achando a “bolacha mais recheada do pacote”, ou então “a última coca-cola no deserto”. Isto é, até mesmo pela maioria do pessoal ter experiência como empreendedor, acha que vai estar dentro da turma para ensinar, para mostrar para os outros suas experiências empreendedoras. Ledo engano.

Afirmo isso porque passei por essa situação e pelo que pude conversar com as outras pessoas, eles também. Os facilitadores te estimulam a enfrentar situações que, naturalmente, você pode errar ou até mesmo planejar pensando pequeno. É exatamente nessas horas que você precisa ser humilde para aceitar o feedback.

Infelizmente não posso relatar as atividades que acontecem no curso, não somente pelo contrato que assinamos, mas pela experiência de enfrentar as situações simples, onde o perfil empreendedor aparece. Por isso é importante que quem for fazer o curso, não saiba o que vai enfrentar por lá.

Quando fiz, eram 9 dias consecutivos. Atualmente, são 6. Mesmo assim, desde já aconselho:

Esqueça sua rotina de trabalho diário

Não fique no curso pensando nos emails que você deve checar e enviar depois, a noite, por exemplo. O curso também tem atividades para o tempo fora dele. Uma sugestão é aproveitar uma semana de folga ou férias mesmo.

Caia de cabeça

Não fique com receio ou envergonhado para realizar as atividades propostas pelos facilitadores. Viva o curso! Eu garanto que a experiência será muito melhor compreendida.

Tenha muita persistência e humildade

Dependendo dos facilitadores, os feedbacks podem ser muito intensos, principalmente quando são negativos. Isso é exatamente para estimular você a pensar grande, a enfrentar de frente os desafios e obstáculos (pelo menos eu vi assim).

Com isso, durante o EMPRETEC, criei uma espécie de mantra para mim. Algo que me estimulasse todos os dias e que fizesse parte também dos meus princípios: “Just do your best, always!” (Apenas faça o seu melhor, sempre!)

Resultado

Foi o melhor curso que fiz, perdi 2,5 Kg nesses 9 dias e aprendi coisas que mudaram meu jeito de enfrentar a vida, de empreender, não somente na empresa, mas também na vida pessoal.

Vale muito a pena! Recomendo!

Abraço e sucesso.

Cristiano Silveira dos Santos

Por sinal, se você estiver no momento de começar a sua empresa, temos um site específico para te orientar nesse momento. É o Abra Sua PJ.

Além de conteúdo bem didático sobre o processo de registro do CNPJ, temos uma equipe especializada para tirar todas as suas dúvidas e a realizar a abertura da sua empresa. Veja mais aqui

comments powered by Disqus