dicas para motivar colaboradoresmodelos de venda que formem um sistema interessante para que o negócio funcione efetivamente.

">

As 7 melhores dicas para motivar seus colaboradores

Quando um negócio tem tudo para dar certo mas, mesmo assim, falta alguma coisa para impulsioná-lo de vez, o segredo pode estar na equipe!

Quando um negócio tem tudo para dar certo mas, mesmo assim, falta alguma coisa para impulsioná-lo de vez, o segredo pode estar na equipe!

Motivação e treinamento são alguns dos propulsores de um bom trabalho em time em prol de um resultado, que pode ser aumento de vendas, conquista de mais clientes, mais eficiência no atendimento ou outros objetivos.

Além disso, muitas pessoas com grande potencial só precisam de uma motivação para desenvolverem seu melhor desempenho.

Para quem é empreendedor, é sempre bom estar atento a algumas pequenas atitudes diárias, e também a outras que exigem mais esforço, a fim de alinhar bem os funcionários e fazê-los compreender o que se espera de seu trabalho e como eles podem obter isso.

A base dessas atitudes é simples: a motivação vem quando o funcionário sente que seus esforços e capacidades são observados, reconhecidos e recompensados (não obrigatoriamente com dinheiro). Dessa maneira, o trabalho tende a se tornar mais prazeroso e a render mais.

Dicas para motivar colaboradores

Há maneiras assertivas de conquistar essa relação de confiança e parceria no dia a dia. Confira a seguir algumas dicas para motivar seus colaboradores:

Dê feedbacks periodicamente

Seu colaborador fez algo que se destacou dentre a equipe? Cumpriu a meta do mês? Ou tem demonstrado visível esforço para melhorar seu trabalho? Isso é digno de ser notado e elogiado.

Feedbacks positivos podem ser dados na frente de todos os funcionários, assim gera-se uma motivação para que isso aconteça mais vezes e com os demais também.

Já feedbacks negativos preferivelmente podem ser dados em um momento em particular com o colaborador, para evitar constrangimento em público.

Se notar, porém, que o erro é sistemático e mais pessoas estão com a mesma atitude, vale a pena uma conversa coletiva para desfazer possíveis mal entendidos sobre o trabalho.

O tom da conversa precisa ser construtivo, tranquilo e objetivo.

Críticas bem fundamentadas e apresentação de soluções para os problemas com certeza levarão a um crescimento de cada pessoa da equipe.

Se você acha que precisa melhorar sua comunicação como empreendedor, veja aqui algumas dicas.

Integre sua equipe

Aproximar os funcionários do mesmo setor, e também de diferentes setores, através de confraternizações, almoços ou outros eventos gera um clima amistoso e confortável no ambiente de trabalho, além de possibilitar um maior contato de cada funcionário com a realidade de outros departamentos da empresa.

Isso pode gerar uma maior consciência de integração e de trabalho conjunto, algo que ajuda muito na dinâmica cotidiana e na resolução de problemas complexos.

Priorize relações de qualidade entre todos e verá bons resultados.

Seja você mesmo próximo de sua equipe

Equipe unida inclui um mentor presente e acessível! Seu trabalho é o maior exemplo que seus funcionários podem ter, por isso, esteja presente no dia a dia mostrando que vocês estão lutando juntos por uma mesma missão.

Isso gera uma relação de confiança e companheirismo.

A hierarquia não precisa ser lembrada a todo momento – as pessoas preferem um chefe amigável e que as oriente, não somente alguém que dê ordens de dentro de sua sala.

Assuma a postura de perguntar constantemente diversas questões aos seus funcionários, tanto para conhecê-los melhor quanto para saber seus níveis de satisfação com o trabalho e eventuais demandas para que melhorem seu desempenho.

Vale a pena observar e ouvir o que cada colaborador tem a dizer sobre o que falta no ambiente de trabalho para que ele se sinta mais confiante e preparado para os desafios que foram propostos.

Dê recursos para sua equipe se desenvolver profissionalmente

Invista em treinamentos, cursos, equipamentos ou outros recursos que venham ao encontro das necessidades apresentadas.

Ao ouvir as ideias, avalie aquilo que é possível ou não investir, tendo em mente o que é urgente e o que pode esperar.

De qualquer forma, deixe claro que você valoriza as sugestões e que no momento oportuno fará o investimento, assim, sua equipe não deixará de dar feedbacks, mesmo que não veja alguma ação imediata.

Lembre-se de que os resultados de um trabalho são proporcionais às condições que se dá para sua execução. Portanto, condições excelentes para resultados excelentes!

Fidelize seus colaboradores

Aqui falamos sobre investir no desenvolvimento pessoal e profissional de cada funcionário.

Você vai querer retorno desse investimento, certo? De nada adianta qualificar um funcionário se, ao mesmo tempo, não se promover motivos suficientes para ele permanecer naquele ambiente de trabalho.

Por isso, crie as condições apropriadas para gerar uma carreira ao funcionário e para que ele perceba que faz a diferença naquele local.

Compreender bem os valores e missões da empresa também são passos importantes para que ele tenha uma visão maior do significado de seu trabalho e se engaje.

Onde ele se encaixa na estrutura organizacional? Aonde ele pode chegar? Com uma linguagem simples, mostre pontos como esses a ele. A identificação com os ideais da empresa e um plano de carreira são grandes fidelizadores de colaboradores.

Dê incentivos frequentes

Se possível, no dia a dia, dê incentivos extras para seus funcionários, algo que eles não estavam esperando.

Elogios públicos em relação ao trabalho não custam nada, e você não precisa esperar um grande feito para dar um feedback, isso pode ser algo cotidiano por pequenas atitudes, como um bom atendimento a um cliente que saia muito satisfeito, a pontualidade, o bom relacionamento com os colegas ou algo que o faça a diferença.

Há algumas palestras motivacionais que podem te inspirar também na hora de dizer algo ao seu colaborador.

Outros incentivos podem vir em forma de bonificações: verifique a possibilidade de parcerias com estabelecimentos comerciais que possam dar descontos para as pessoas que trabalham com você. Isso pode se aplicar à academias, restaurantes, lojas, clubes, escolas de idiomas.

Preocupe-se com a saúde e bem-estar de cada colaborador, incentivando-o a ter alguns minutos de relaxamento no escritório ou qualquer que seja o ambiente de trabalho.

Para isso, tenha um espaço onde seja possível tomar um café, sentar em uma poltrona mais confortável e até ter outras distrações para os merecidos breaks no dia a dia.

Ao contrário do que se imagina, isso não é desperdício de tempo, e sim algo que pode até aumentar a produtividade, pois trabalho ininterrupto gera uma exaustão maior.

Grandes empresas, como a Google, adotam essa prática e tem espaços bem descontraídos para o descanso e divertimento dos funcionários.

Proponha metas alcançáveis e acompanhe-as até o final

Ao mesmo tempo em que o desafio é um combustível importante para estimular o maior esforço possível dentre o time, é igualmente importante a sensação de que uma meta proposta é realista e conquistável.

Empresas muitas vezes colocam metas muito altas, que geram alta competitividade e estresse entre os funcionários, e que acabam não sendo alcançadas.

Então, o primeiro passo é estabelecer metas que estiquem a equipe na medida certa, de acordo com objetivos como: quero aumentar minha margem de lucro? Vender mais? Quero concluir “tal projeto”  dentro de um orçamento Y? Quero adiantar prazos?

Defina com a equipe as prioridades. Estabeleça também a premiação para quem bater a meta.

Após o planejamento, delegue responsabilidades de maneira assertiva! Conhecendo bem sua equipe, é possível distribuir papéis que vão ao encontro das competências de cada um.

A sensação de ter um papel ativo e importante dentro do plano de ação é uma grande motivação para o sucesso.

A meta está definida, todos já sabem o que devem fazer, agora é começar! Mas não abandone a equipe nesse meio de caminho.

Dê métricas de acompanhamento e saiba analisar o desempenho de cada um.

Vá dando esses informativos durante o período para que todos tenham um termômetro de como está o andamento coletivo e individual. É estimulante e gera uma competição saudável.

Ao final do prazo, pague realmente o prêmio para quem conseguir! Nada pior que um funcionário perder a confiança na gestão.

Celebre a conquista coletivamente e faça todos se sentirem parte do resultado. Pode ser com um happy hour, uma pequena comemoração no escritório ou mesmo com um almoço simbólico, contanto que seja um marco para a conclusão daquele projeto e que deixe a sensação de recompensa pelo trabalho duro.

Assim, as próximas vezes serão ainda mais motivadoras, pois todos saberão que terão reconhecimento pela sua contribuição.

Crie um ciclo de metas – dando respiros para a equipe, é claro – e assim terá um grande propulsor para o seu negócio!

Não há grandes segredos quando se trata de motivação, como você pode ver. São atitudes bastante simples, mas que fazem toda a diferença.

Sinta as necessidades do seu negócio e crie você mesmo alguma tradição ou forma de motivação que se enquadre no perfil do seu tipo de trabalho.

Geralmente, trabalhos estressantes necessitam de mais motivação, por isso, capriche na hora de dar ânimo aos funcionários. Vocês estão todos no mesmo barco, e assim, quanto melhor for o comandante, mais longe irão!

Deixe nos comentários suas impressões sobre as dicas e nos conte se você já vivenciou alguma delas, seja como motivador ou como motivado.