como exercitar a criatividade

Como exercitar a criatividade? Aprenda com essas 23 dicas de sucesso

Você sabia que exercitar a criatividade pode ser fundamental para o seu negócio?

Você sabia que exercitar a criatividade pode ser fundamental para o seu negócio?

Talvez você nunca tenha percebido isso devido à correria do dia a dia e aos processos burocráticos que envolvem o mundo corporativo.

Mas pode ter certeza: com criatividade, você tem mais chances de dar certo.

O melhor de tudo é que a criatividade pode ser exercitada com exercícios simples e que ainda por cima são prazerosos. Ou seja, não tem desculpa para você não segui-los.

Mas você deve estar se perguntando: “por que a criatividade pode me ajudar nos negócios?”. A resposta é simples.

A criatividade permite que você encontre novos modos de fazer as mesmas coisas, ou seja, inove tanto nos processos internos quanto no atendimento ao cliente, criação de promoções, oferecimento de produtos e serviços etc.

Assim, sempre que um problema surgir, fica muito mais simples solucionar a questão, porque você estará preparado para encontrar uma alternativa. Então, quer saber como estimular a sua criatividade? Veja as nossas dicas a seguir:

Como exercitar a criatividade

1. Seja um bom observador

Há pessoas que possuem essa característica de prestar atenção nas coisas e observar.

Se esse não é o seu caso saiba que ser um bom observador ajuda a melhorar a sua criatividade.

Por meio da observação você pode identificar novas demandas, encontrar possíveis soluções para problemas existentes e registrar fatos que podem servir futuramente em outra situação.

Por isso, observe cada detalhe, inclusive as placas de trânsito, os sinais, as pessoas que estão ao seu redor, a postura da pessoa com quem está conversando etc.

Você poderá aprender muito a partir desse simples ato de observar.

2. Analise as características de produtos e situações

Quando temos algum problema, é comum pensarmos em diferentes possibilidades de solução.

Mas você já percebeu que analisar essas características pode ser fundamental para estimular a criatividade? Então, coloque o seu senso crítico para funcionar e analise não somente as situações, mas também as características dos produtos que você vê no seu dia a dia.

Depois, pense em como você poderia fazer diferente, em como poderia melhorar aquele produto/situação. Isso com certeza servirá para melhorar os seus próprios produtos e serviços.

3. Escute músicas

A música é uma boa forma de incentivar a criatividade. Mas não basta apenas deixar a música rolando e não prestar atenção.

A ideia aqui é que você se atente a todos os acordes, batidas e na harmonia instrumental e da voz do cantor.

Preste atenção também à letra e ao sentido da música. Assim, você pode encontrar novos sentidos e até mesmo achar uma solução ou uma nova ideia de produto.

4. Assista a filmes

Assim como as músicas, os filmes são obras de arte que vale a pena valorizar.

Por isso, aproveite e assista a filmes, atentando-se a todos os detalhes, como a trilha sonora, os movimentos de câmera, a iluminação, a fotografia, os efeitos especiais etc.

Uma dica é continuar aprofundando-se pesquisando sobre o filme depois de assisti-lo, por exemplo, analisando se é uma refilmagem, quem é o diretor, qual a pretensão ou o estilo do diretor, entre outras particularidades.

5. Durma bem

Se essa dica parece contraditória para você, saiba que o sono é imprescindível para a criatividade.

É claro que eventualmente você precisará ficar acordado durante uma noite.

No entanto, é recomendado evitar esse tipo de situação, porque assim o cérebro funciona melhor e você consegue analisar as situações com mais assertividade.

Outra dica bem legal é tentar lembrar dos sonhos que teve. Você sempre pode ter uma inspiração para algo que precisa ser criado ou solucionado.

6. Tenha o hábito de ler e escrever

Pessoas criativas e aquelas que querem ter mais criatividade precisam ter o hábito de ler e escrever.

Durante a leitura, o cérebro consegue “entrar” na história, recriando cenários e situações. Por isso, recomenda-se ler pelo menos um livro por mês.

Já a escrita é um hábito mais difícil de criar, mas que ajuda você a sair da zona de conforto. Por isso, crie um diário, para contar situações do dia a dia; um livro de crônicas; um livro de poemas; o que você preferir.

Obs: Aprenda a escrever sem erros de português! Leia este post e veja os erros mais comuns.

7. Aproveite o ócio

O tempo de lazer deve ser destinado ao descanso, mas a verdade é que você pode aproveitar esse período como algo produtivo.

Ou seja, enquanto aproveita o descanso, você pode navegar na internet de forma aleatória e encontrar algum site útil. Ou ter uma ideia nova a partir de uma conversa com um amigo.

Também pode organizar suas ideias conforme ouve uma música.

Isso não significa que o tempo ocioso deva ser voltado para algo produtivo, mas sim que você deve estar atento às situações, podendo aproveitar esse momento.

8. Organize-se

Sabe aquela ideia de que uma pessoa criativa é desorganizada?

Pode até ser verdade, mas o fato é que a organização ajuda muito a estimular a criatividade.

Isso porque sabendo onde as coisas estão, você não perde tempo as procurando.

Com o computador é a mesma coisa. Por isso, mantenha-se organizado para ser mais criativo e produtivo.

Além disso, lembre-se: enquanto você organiza suas coisas, dá tempo para o seu cérebro se distrair e, quem sabe, encontrar novas soluções e ideias.

9. Desafie a si mesmo

Impor-se desafios é uma maneira de aprender coisas novas e ultrapassar seus próprios limites. Outra vantagem é não permanecer sempre parado no quesito profissional.

Por exemplo: se você escreve conteúdos, mas não sabe fazer uma crônica, proponha-se a isso.

Já se você é um ilustrador, mas não faz edição de vídeos, pense em fazer um estilo novo que requeira o processo de edição.

10. Seja apaixonado pelas atividades que realiza

Quando você gosta do que faz, tem mais prazer ao trabalhar e, consequentemente, o resultado é melhor.

Goste do que faz e, se estiver em um trabalho que não o agrade, procure uma alternativa.

Uma mudança de rumos e a saída da zona de conforto pode ser fundamental para estimular a criatividade e ter mais sucesso.

11. Esteja informado

Você não precisa procurar informações o tempo todo, mas é bom estar informado sobre os mais diversos assuntos.

Além de poder conversar de maneira mais fácil e interagir com diferentes pessoas, as informações que você obtém ajudam a ter ideias.

12. Busque novas experiências

Se você tem um problema ou está pensando muito sobre um assunto, aproveite para desfocar e buscar novas experiências.

Vá a eventos artísticos ou competições esportivas, leia livros diferentes e novos para você, enfim, aproveite o tempo para encontrar novas informações, que possam trazer soluções diferenciadas.

13. Redefina visuais

Desenhe um objeto de diversas formas ou fotografe-o de diferentes ângulos.

Você perceberá que terá novas perspectivas e poderá encontrar novas maneiras de solucionar um problema, por exemplo.

14. Faça interrupções ao longo do dia

O dia é estressante e maçante, mas você já parou para pensar que pode interromper a rotina por 15 minutos que seja para fazer algo diferente?

Tome um café sozinho ou com um amigo, faça alguma atividade física (pode ser um exercício físico propriamente dito) ou faça um objeto de artesanato, enfim, pare de pensar nos seus problemas por alguns instantes.

Quando você voltar a se focar, estará pronto para achar uma solução criativa.

15. Faça cópias de uma obra pronta

A ideia aqui não é plagiar e/ou vender como se fosse original, mas sim tentar entender o processo realizado pelo artista.

Quando você vê a obra pronta e tenta imitá-la, percebe que o passo a passo é muito mais difícil do que parece.

Conforme você vai passando pelas etapas, descobre formas mais fáceis de fazer as mesmas ações, ajudando a enxergar alternativas em todos os problemas que possui.

16. Relaxe

Estar com um estado de espírito de tranquilidade é fundamental para estimular a criatividade.

Por mais que o estresse exista e seja quase que inerente à rotina diária, tente relaxar, ver o lado bom das coisas, aprender com os erros e passar pelas dificuldades tentando encontrar o ponto de vista positivo.

Pode ter certeza, isso deixará a sua vida mais fácil. Para relaxar, faça o que achar melhor. Pode ser dançar, fazer piadas, cozinhar, o que você preferir.

17. Seja curioso

A criatividade tem tudo a ver com a curiosidade. Quanto mais curioso você é, mais ideias criativas você tem.

Por isso, tenha o hábito e a vontade de pesquisar, procurar e perguntar sobre coisas novas.

Leia sobre assuntos diferentes e que nem tenham a ver com a sua área de atuação.

Quando você menos esperar, uma nova ideia surgirá na sua mente e poderá ser de grande serventia.

18. Pinte os ambientes de azul

Não precisa exagerar e pintar tudo de azul, mas a cor azul ajuda a estimular a criatividade, porque auxilia o pensamento associativo.

Essa informação é baseada em estudos, que demonstrou que pessoas que estão em salas de cor azul têm mais chances de resolver um quebra-cabeça do que aquelas que estão em um ambiente de cor vermelha.

19. Pense como criança

Essa dica não diz a respeito a ser imaturo, mas sim a se desligar de preconcepções e do medo do fracasso, que muitas vezes acomete os adultos.

Por isso, pense como uma criança ao estar diante de um desafio.

Isso ajuda a encontrar novas utilidades para situações e coisas que você já conhece.

20. Resolva palavras cruzadas

Se você gosta de palavras cruzadas, boa notícia! Elas ajudam a exercitar o pensamento criativo. Mas para dar uma turbinada nesse processo, faça o seguinte procedimento.

Coloque um timer com 5 minutos para resolver a palavra cruzada. Concentre-se e tente resolver tudo nesse período.

Aproveite para anotar a primeira palavra da horizontal e da vertical – ou a segunda palavra, caso não tenha as primeiras.

Quando o tempo terminar, reinicie a contagem de 5 minutos, mas escreva em um papel o começo de uma história com as palavras anotadas.

Depois desse período, volte à palavra cruzada e depois volte à história novamente, sempre com o mesmo período de tempo. Alterne entre essas duas atividades durante 30 minutos.

A ideia é que você alterne entre os padrões mentais de razão (resolver as palavras cruzadas) e conexão (criar a história)

21. Utilize o brainstorming

O brainstorming é uma técnica em que diversas pessoas soltam ideias sobre um assunto.

Essas ideias não precisam estar certas ou erradas; elas servem como possíveis alternativas para solucionar um desafio. Caso você não tenha pessoas com quem fazer isso, existe uma alternativa.

Pegue uma palavra cruzada que nunca tenha feito e inicie a contagem de 3 minutos.

Faça a técnica do brainstorming anotando quaisquer ideias que tenha para responder à seguinte questão: “para onde vou nas próximas férias?”.

Depois do tempo terminar, reinicie a contagem e comece a julgar as ideias anotadas, verificando se existe alguma ilegal, perigosa, muito cara para o seu orçamento etc.

Vá cortando as ideias e priorizando-as, focando-se em apenas 3.

Quando o período terminar, reinicie novamente a contagem, focando em cada uma das ideias a cada 3 minutos.

Imagine os momentos pelos quais passaria e visualize o máximo de detalhes possível. Você pode fazer essa técnica utilizando outras perguntas.

22. Jogue

Talvez essa seja a dica mais divertida, mas é fato que os jogos ajudam a criatividade.

Uma ideia bem legal é usar os games Trivia e Tetris para mudar o padrão cerebral.

Para isso, você deve contar 15 minutos no relógio e ficar o tempo todo jogando Tetris, sempre tentando melhorar a sua pontuação.

Quando o prazo terminar, faça a contagem de 10 minutos e responda às 3 perguntas seguintes: quais os nomes dos filhos de Angelina Jolie e Brad Pitt? Qual a altura das cabeças esculpidas em Mount Rushmore? Quais são as receitas das moquecas baiana e capixaba?

Pesquise sobre esses assuntos na internet durante o tempo de 10 minutos. Mude as perguntas nas próximas vezes que fizer esse exercício.

A ideia é mudar do padrão cerebral fluxo (promovido pelo Tetris) para o da razão (encontrando uma resposta para cada pergunta).

23. Conheça o mundo

A última dica é: conheça o mundo em que vive e explore-o. Aproveite para viajar, conhecer diferentes culturas e situações.

Estudos indicaram que estudantes que fazem intercâmbio são mais criativos na hora de solucionar problemas. Isso também se aplica a você.

Então, planeje-se financeiramente, viaje e faça roteiros inesperados. Isso com certeza trará mais criatividade e uma nova visão de mundo.

Viu como é fácil exercitar a criatividade? Se você quer entender como o ambiente de trabalho pode interferir na sua criatividade, leia esse post. Assim, você estará mais preparado para os desafios do dia a dia.