como desenvolver sua marcaempreendedores ávidos por bons resultados e por sucesso em suas gestões.

">

Como desenvolver sua marca de maneira adequada usando nossas 5 dicas!

Muitos empreendedores acreditam que desenvolver uma marca para o seu negócio é um ato que envolve muito e que seja uma prática que compete somente para grandes corporações.

Muitos empreendedores acreditam que desenvolver uma marca para o seu negócio é um ato que envolve muito e que seja uma prática que compete somente para grandes corporações.

Ledo engano, pois a marca é muito mais do que apenas um nome ou um símbolo de uma empresa. Ela representa a percepção que os seus clientes e a sociedade tem sobre ela e o seu produto ou serviço.

Portanto, ela pode ser construída através de pequenas ações e não necessariamente é preciso de um orçamento alto para isso.

Então, nesse post, vamos falar um pouco mais sobre como desenvolver sua marca, um dos maiores ativos de qualquer negócio! Confira:

Como desenvolver sua marca de maneira adequada

O primeiro passo, para que a sua marca seja construída da melhor maneira possível, é definir todos os elementos que ela deve ter.

Por isso, sugerimos a utilização de uma ferramenta chamada Briefing. Mais do que definir os elementos da marca, ele irá traçar um caminho para que ela seja autêntica e atinja seus objetivos.

Somente dessa maneira será possível evitar a visão de que a marca da empresa será apenas um conjunto de letras e símbolos, mas sim a sua própria imagem e como ela se posiciona perante a sociedade.

Sendo assim, um bom briefing deverá conter as seguintes definições:

Missão, visão e valores

O primeiro direcionamento para a criação da marca da empresa deverá ser a sua missão, visão e seus valores.

A missão representa o motivo pela qual ela existe, a visão é o cenário futuro que ela quer atingir e os valores são um conjunto de características que representam o comportamento da empresa e seus colaboradores.

Público-alvo

A melhor maneira de representar os clientes que a empresa almeja ter, é definindo o seu público-alvo.

Portanto, é importante definir desde as características mais básicas – sexo, faixa etária, classe social, preferências – até as mais específicas – hábitos de compra, rotina e desafios que enfrentam no dia a dia – desse público.

Cores

Outro item que deve ser especificado no briefing são as cores que a empresa quer adotar. Portanto, deverá ser definido quais delas representarão o negócio.

Esse item é extremamente relevante pois mostrará a personalidade que o negócio gostaria de agarrar para si, além de dar identidade para a marca.

Referências

Toda grande criação precisa de referências. No processo de confecção de uma marca isso não é diferente!

Então, o ideal é que seja escolhido bons exemplos de marca para assumir essa função, tente limitar a no máximo 3.

Lembre-se que elas deverão servir apenas como inspiração e não devem ser copiadas.

Conceito

Definir o conceito da empresa é um item importante, pois ele ditará não somente a criação da marca, mas também como ela pretende seguir seu caminho estando no mercado.

Por isso, criar uma marca seguindo esse conceito mostrará que ela estará alinhada com ele desde o dia 1 de sua existência.

Obviamente que o briefing pode ter outros itens, isso vai depender também do que você julga importante estar nesse direcionamento. Mas o importante é não economizar na descrição de cada ponto. Afinal, ele será o principal guia para o desenvolvimento da sua marca.

Dicas para desenvolver uma marca de relevância

Agora que você já sabe da importância de criar um bom briefing para a sua marca, iremos fornecer 5 dicas para auxiliar nesse processo de construção de uma marca que tenha relevância. Veja:

1 – Defina seus diferenciais

É preciso entender quais são os motivos que vão fazer da empresa melhor que os seus concorrentes, ou seja, quais são seus diferenciais.

Caso você tenha dificuldades em elaborar isso, que tal envolver as pessoas que são próximas? Pergunte aos seus clientes, fornecedores, colaboradores e qualquer outra parte envolvida como elas enxergam isso no negócio.

Aproveite e peça a opinião do que pode ser melhorado também!

2 –  Escolha bem o nome

Apesar da confecção uma marca ir muito além da criação do nome da empresa, é preciso se preocupar com essa questão, pois ela não deixa de ser um elemento importante.

O segredo é colocar o cliente em primeiro lugar, ou seja, facilite para que ele entenda o que a sua empresa faz através de seu nome. Portanto, seja objetivo e defina um nome que consiga passar a mensagem que o negócio deseja transmitir.

Dê preferência para a escolha de nomes em que a sua pronúncia seja fácil e que também seja passível de uma futura globalização.

A ferramenta Guru PME pode te ajudar nisso!

3 – Padronize tudo

É preciso que clientes, fornecedores e quaisquer outras pessoas que se relacionem com a sua empresa associam ela a uma mesma imagem. Por isso, busque padronizar tudo para que ela não saia da memória dessas pessoas.

Essa padronização pode acontecer em ações mais visuais, tais como suas propagandas e apresentações ou até em relação à maneira como os próprios colaboradores apresentam a empresa para outras pessoas.

4 – Utilize a criatividade

Dificilmente será possível criar uma grande marca sem um pingo de criatividade. Então, tente utilizá-la como principal ferramenta nesse processo.

O mais legal é que não há regra ou receita para esse item, ou seja, ela pode ser utilizada de diversas maneiras e em qualquer parte do processo.

Portanto, estimule a inclusão da criatividade nos momentos de construção do briefing, seja através de um brainstorming ou outra técnica mais avançada.

No fim, ela será o grande diferencial que determinará o sucesso da marca.

5 – Crie uma experiência para o seu cliente

A melhor maneira de criar uma ligação entre a empresa com seus clientes é fomentando uma experiência que seja marcante para ele.

Por isso, é preciso associar a marca não somente a um produto ou serviço e sim a experiência em si que ele proporciona. Isso é chamado de brand experience, que faz com que o cliente interaja com a marca e que isso gere sentimentos e boas memórias.

Lembre-se que os clientes são a principal razão do negócio existir e por isso precisam ter uma experiência inesquecível.

Agora que você entendeu os primeiros passos de como desenvolver sua marca de maneira adequada, confira 5 coisas para observar antes de contratar uma Plataforma de Marketing de Conteúdo.