características de um líder

Características de um líder vs. chefe

E você? Está mais para Chefe ou Líder? Veja nosso comparativo.

O século 21 chegou e trouxe várias mudanças consigo. Dentre essas mudanças, podemos destacar que a forma de trabalhar vem sendo impactada conforme os anos vão passando, principalmente se compararmos com as décadas anteriores.

Podemos citar inúmeras coisas que mudaram quando entramos nesse assunto, porém uma das mais marcantes é em relação à figura do chefe.

Pois bem, se antes o chefe era uma autoridade comum nas empresas, hoje não é mais, ele simplesmente foi trocado por uma nova figura: o líder.

A grande questão é que essa transformação não é aplicada somente na mudança no nome da função, ela também impacta nas atitudes que envolvem a gestão e relacionamento com a sua equipe e o próprio negócio.

Dessa maneira, um novo conceito foi criado na figura do líder, e não é qualquer chefe que consegue se impor como um líder. Por esse motivo, a figura do chefe começou a ter um tom negativo.

Nas próximas linhas desse post, iremos mostrar os pontos que envolvem essa mudança e as principais diferenças entre líder vs chefe.

Confira as principais características de um líder e de um chefe:

Muito ainda se confunde em relação à diferença entre o líder e o chefe, para muitos é a mesma coisa! Porém o grande diferencial pode ser notado em aspectos que envolvem, principalmente, a postura e as atitudes tomadas no dia a dia.

A grande verdade é que há uma certa parcela de chefes que pregam serem líderes, porém suas atitudes não condizem com essa figura. Por esse motivo, vamos falar um pouco mais sobre cada um deles e, principalmente, mostrar as suas diferenças de forma clara.

O líder

De forma geral, o líder é retratado como a figura responsável pela liderança de um grupo, com a função de guiá-lo para atingir os seus objetivos.

E nesse sentido, ele auxilia a sua equipe na execução de suas atividades, com o objetivo de prover o melhor cenário para que suas entregas sejam feitas com excelência, os prazos sejam cumpridos e as metas sejam batidas.

Obviamente que uma das atitudes chave do líder deverá ser a motivação de sua equipe para que todo esse auxílio, que foi descrito acima, aconteça.

Além do fator motivação, o líder deverá também servir como inspiração, principalmente sendo o grande exemplo para sua equipe de como as tarefas e decisões devem ser conduzidas.

Outra característica importante que envolve sua liderança é a confiança.

Ele demonstra claramente que confia em sua equipe na maioria das oportunidades que tem. Agindo dessa maneira, o líder fortalecer o relacionamento com sua equipe de maneira sólida.

Por esse motivo, delegar responsabilidades e tarefas é uma prática comum em sua rotina, evitando centralizar tudo para si. Dessa maneira, ele também ganha a confiança de sua equipe, ou seja, é uma troca mútua que contribui para que um ótimo trabalho em equipe seja feito.

Todo bom líder se comunica bem com a sua equipe, deixando-a confortável para fornecer e receber feedbacks, que são e deverão ser 100% construtivos!

Ele é responsável por manter essa cultura funcionando e assim proporcionar um ambiente de trabalho saudável para todos.

Por fim, visando facilitar o entendimento do papel do líder, de forma prática, no relacionamento com sua equipe e a empresa, listamos de forma resumida, comportamentos que eles costumam ter no dia a dia:

  • Está sempre procurando soluções inteligentes e viáveis;
  • Busca aprender com seus erros… e dos outros também;
  • Admite que errou quando isso acontece, demonstrando humildade;
  • Orientar e motivar sua equipe está sempre em primeiro lugar;
  • Dá créditos a seus colaboradores sempre que possível e não somente a si mesmo;
  • Não precisa impor sua autoridade para ganhar a confiança de sua equipe;
  • Prefere compartilhar as informações e tarefas ao invés de centralizar;
  • Solicita a opinião de seus liderados para tomar decisões;
  • Se comunica de forma clara com todos que se relaciona na empresa;
  • Não tenta impor suas ideias! Ele escuta a de seus colaboradores para que possam auxiliá-los nela;
  • Estimula a criatividade de sua equipe, pois acredita que é daí que surgirão os melhores resultados;
  • Possui o foco em preparar cada vez mais seus liderados no lado profissional e pessoal;
  • Enxerga cada colaborador como um ser humano em primeiro lugar.

O chefe

Para falar da figura do chefe, basta pegar todos os pontos positivos, que listamos acima, do líder e pensarmos como seriam os comportamentos inversos!

Por padrão, o chefe coloca a si mesmo em primeiro lugar do que  sua equipe e o próprio negócio. Ele é visto como a figura que dá ordens e comanda as pessoas.

E nesse caso, a maioria de seus colaboradores não os respeitam e sim os temem. Por esse motivo, há uma grande chance de que o relacionamento entre ambas as partes não seja algo saudável.

O chefe tem a imagem de sua equipe como simplesmente pessoas que trabalham para ele. Seus objetivos estão em apenas executar suas vontades e o que julga ser o caminho certo, sem pensar muito no coletivo.

Por isso, o chefe tem a tendência em centralizar a grande parte das responsabilidades para si, pois pensa que um dia seus colaboradores poderão roubar seu lugar.

Fica claro que, infelizmente, o chefe não proporciona um bom ambiente para a sua equipe e para o negócio, um dos inúmeros motivos principais para isso aconteça é a sua atribuição dos grandes resultados somente a si mesmo.

Além disso, ele não é muito receptivo em  ajudar as pessoas com quem trabalha por meio de feedbacks construtivos e agregadores, preferindo apontar somente seus erros, mostrando o seu jeito de fazer as coisas como a verdade absoluta.

Na mesma lógica que apresentamos sobre o líder, segue uma lista das práticas comuns de um chefe em sua rotina:

  • Centraliza a maioria das responsabilidades para si, sendo que entende que todas as atividades devem passar por sua aprovação;
  • Não admite erros por parte da sua equipe;
  • Não se importa em comunicar suas decisões de forma clara;
  • Prefere utilizar sua autoridade para mostrar que manda em seus colaboradores;
  • Não consulta a opinião de sua equipe no processo de tomada de decisão, prefere fazer isso por si só;
  • Está mais preocupado somente com o cumprimento das atividades, e não em relação à melhor forma que sua equipe pode realizá-las;
  • Atribui todas as conquistas a si e deixa a sua equipe de fora;
  • Não sabe escutar seus colaboradores, somente falar o que deve ser feito;
  • Só enxerga resultados a curto prazo;
  • Usa de sua autoridade para esconder sua insegurança;
  • Procura culpados quando algo não dá certo;
  • Não admite seus próprios erros.

Atitudes de um bom líder

Cremos que se você chegou até aqui, está bem claro que ser líder é muito melhor do que ser chefe.

Se você ainda não é nenhum dos dois e pensa em assumir alguma liderança da organização em que trabalha, opte por ser um líder.

Porém se você se já está nesse momento e se considera um chefe, pense que sempre haverá tempo para mudanças.

Sendo cada dia mais líder do que um chefe, sua empresa, seus colaboradores e o mundo agradecem. Porém, você deve estar se perguntando: O que tenho que fazer para ser um bom líder?

Para lhe ajudar com essa resposta, listamos aqui 6 atitudes que costumam estar presentes no perfil de um bom líder, confira:

1 – Fornecem feedback

Se comunicar bem já é um primeiro passo para o líder se dar bem com a sua equipe. Porém, essa característica não deve se restringir somente às orientações do trabalho que deve ser realizado.

Uma boa comunicação envolve também bons feedbacks, tanto positivos, quanto negativos. Isso mostrará que o líder tem como qualidade a sinceridade.

Nesse sentido, feedbacks devem ser direcionados para apontar as qualidades de cada liderado e também o que precisa ser melhorado.

Um líder que fornece feedbacks constantes para sua equipe, demonstra que se importa com a carreira profissional de cada um que faz parte dela.

2 – Delegam atividades

É muito comum vermos por ai, chefes abraçando quase tudo para si e delegando somente atividades de pouca importância para sua equipe.

O bom líder é aquele que tem confiança em distribuir o maior número de atividades e responsabilidades para sua equipe, empoderando-a ao máximo, evitando também absorver tudo para si e sobrecarregar-se.

Como já foi dito anteriormente, essa atitude demonstra confiança em seus liderados e também é algo saudável para o próprio líder, pois poderá focar na sua função principal: conduzir a sua equipe!

3 – Lideram pelo exemplo

Como já diria aquele ditado: “Falar é fácil, difícil é fazer!”

Nesse sentido, pode-se dizer que um bom discurso é fator fundamental para o líder, quando se fala em motivação de equipes, porém, mais do que o discurso, o hábito de transformar esse discurso em realidade através de uma atitude concreta, é algo que deve estar presente em seu cotidiano, resumindo: Eles lideram pelo exemplo.

Esse hábito também tem papel fundamental na transmissão da segurança e confiança para sua equipe, pois mostra que o líder é uma pessoa que coloca em prática tudo que acredita.

4 – Não fazem da reclamação um hábito

Reclamar é algo natural do ser humano, mas todos sabem que não é algo positivo, e pode, principalmente, influenciar negativamente o ambiente de trabalho.

Sendo assim, a cada problema que aparece no dia a dia do líder, a reclamação deve ser evitada, mostrando que consegue enxergar uma oportunidade de melhorar as coisas em cada problema que aparece.

Dessa maneira, ele conseguirá também, através do exemplo, implantar esse hábito em sua equipe com mais facilidade.

5 – Alinham às expectativas

É papel do líder buscar entender quais as expectativas que seus liderados possuem em relação à execução de suas atividades, também é seu papel mostrar para cada um de sua equipe o que se espera referente às suas entregas.

Isso ajuda no alinhamento entre líder e liderado, para que possam chegar em um consenso sobre a melhor maneira de trabalharem juntos.

Esse processo é saudável, para que nenhuma das partes se sinta desconfortável durante a rotina de trabalho, também garante que futuramente não haja falhas de comunicação e até decepções de uma das partes.

6 – Transparecem possuir uma boa organização

Ser exemplo, com boas atitudes e ações, é algo essencial para todo líder, a começar pela organização e gestão de seu tempo.

Naturalmente, a maioria das pessoas se esbarram muito em questões como produtividade, organização e gestão do tempo.

Nessas questões, o líder deve ser referência para seu time, mostrando para seus liderados que é possível organizar sua rotina de forma saudável, sem perder tempo e que inclusive também é possível equilibrar a vida profissional com a pessoal.

Caso você esteja preocupado, pois acha que não sabe como começar a transformar dessas atitudes, listadas acima, um hábito na sua vida e no trabalho, não se preocupe.

O importante é buscar maneiras de desenvolvimento direcionados à aquisição dessas habilidades, através de reflexões e autoconhecimento.

Faça um plano de ação, peça ajuda de seus liderados e de outras lideranças, com certeza eles irão te ajudar!

A importância do líder para o negócio

Geralmente, o líder é uma pessoa que já demonstrou que consegue resolver problemas e trazer soluções para a empresa.

Mais do que isso, ele consegue levar essa virtude para a sua equipe.

Por isso, a figura do líder não faz bem somente para si próprio e seus liderados, é bom para qualquer negócio também.

Pelo simples motivo de que suas ações mantém os colaboradores trabalhando com foco, segurança e felicidade, pois eles sabem que possuem alguém em quem podem confiar.

Além disso tudo, um bom líder tem a capacidade de identificar talentos.

Ele ajuda seus liderados a trabalharem seus pontos fracos e desenvolverem ainda mais seus pontos fortes, fazendo com que possam executar suas tarefas de maneira eficaz.

É também papel do líder mostrar novos caminhos que seus colaboradores podem seguir dentro da própria empresa.

A consequência disso é o negócio ter cada vez mais gente qualificada para exercer os cargos em que ocupam.

Porém, o líder também é responsável por formar novos líderes, fazendo com que a empresa tenha sempre gente boa e capacitada na sua linha de frente, mantendo uma cultura de liderança pelo exemplo.

Ficou claro que a figura do líder é imprescindível para qualquer organização não é mesmo? E claro que isso não diz somente às empresas, mas sim em qualquer tipo de organização, pois o mundo precisa de mais líderes e menos chefes.

O que achou das características de um líder vs chefe? Deixe seu comentário! Agora, o que acha de ler agora sobre Perfis para se deletar da sua empresa?