Canais de distribuição

Canais de distribuição: Como chegar até o seu cliente

A importância dos canais de distribuição para o crescimento do seu negócio. Exemplos práticos.

Um fenômeno muito interessante entre empreendedores iniciantes é o foco completo em criar um produto/serviço inovador, de preferência sem concorrentes.

Apesar da inovação ser algo essencial, é importante lembrar que na grande maioria das vezes, o cliente compra algo que ele já está acostumado e escolhe um produto/serviço baseado na sua conveniência.

Ou seja, de nada adianta ter a melhor solução do mundo se você não consegue chegar ao cliente através dos canais de distribuição corretos.

Por isso, a ideia é entender diversos canais de aquisição e suas peculiaridades.

Modelo 1: Você vai até o cliente
Basicamente, nesse modelo você vai até os locais que o cliente frequenta (ex.: barraquinhas de cachorro quente).

Além disso, temos os chamados vendedores de porta a porta, que visitam os clientes tanto para vender quanto para entregar o produto/serviço.

A principal vantagem desse modelo é a proximidade do cliente, por isso é altamente recomendado quando você quer testar um produto/serviço inovador e precisa ouvi-lo de perto. Porém, é muito complicado de ganhar escala dessa maneira.

Modelo 2: O cliente vai até você
Boa parte do varejo é baseada nesse modelo. Você cria sua loja em um local próximo ao cliente e espera que te encontre.

A principal vantagem desse modelo é que, caso seja escolhido um lugar de alta circulação (shoppings, centro da cidade, avenidas movimentadas, etc.), você terá um fluxo contínuo de pessoas com potencial de se tornarem seus clientes.

O maior problema é justamente esse. Os melhores pontos, tendem a ser bastante caros e disputados. Sem dúvidas um modelo muito bom, mas complicado para quem ainda está no início.

Modelo 3: Você vai até o cliente e o cliente vai até você, pela internet
Sei que é um pouco de chover no molhado, mas vale a pena reforçar a importância da internet no relacionamento com o cliente. Mesmo empresas que possuem canais de distribuição físicos, podem aproveitar, e muito canais digitais.

Desde marcar consultas médicas (ex.: HelpSaúde) até compra/venda de ingressos, a internet possibilita que você alcance clientes em lugares nunca antes imaginados.

Para aprender como chegar nesses clientes da melhor maneira, montamos um e-book bem prático de como montar sua estratégia digital. Vale a pena conferir: 6 passos para vender mais pela internet.

Conclusão: Seja qual for o modelo, um bom canal de distribuição é essencial
Se você pretende ser a Coca Cola, distribuindo seus produtos até nos lugares mais isolados do mundo ou se você quer trabalhar de casa e vender tudo pela internet, é uma escolha sua. O ponto principal é: saiba que os canais de distribuição são essenciais para o seu crescimento.

De nada adianta pensar apenas em ter o melhor produto do mundo sem montar uma estratégia clara de como atrair e converter esses clientes.

Fica então a reflexão, como você tem feito para chegar ao seu cliente? Se tiver dicas bacanas nessa área, deixe nos comentários.

Abraços,
Millor Machado (sempre pensando na distribuição)

P.S.: Créditos da imagem Shutterstock