máquina de escrever

Blogs precisam ter marca registrada?

Ser blogueiro, hoje em dia, virou profissão.

Ser blogueiro, hoje em dia, virou profissão.

É cada vez mais comum encontrar pessoas que ganham a vida escrevendo, gravando vídeos ou dando dicas de assuntos diversos em blogs na internet. Mas será que um blog precisa ter a marca registrada?

No post de hoje explicaremos como e porque o registro de marca para um blog é importante.

Então, se você é um blogueiro ou está pensando em criar um blog, deve ficar atento às nossas dicas.

Quando um blog precisa ter marca registrada?

Se você vende artigos de qualquer espécie, participa de um programa de afiliados, vende espaço para anúncios publicitários ou faz qualquer atividade que renda dinheiro para o seu blog e ainda tem domínio próprio, você deve fazer um registro de marca.

Esta tarefa é importante para que outra pessoa seja impossibilitada de registrar uma marca utilizando o mesmo nome da sua e lance um site concorrente, que acabe tirando sua fonte de renda.

Registrar o domínio e registrar a marca é a mesma coisa?

Não! Muita gente tem essa dúvida, por isso vamos tentar esclarecê-la.

Os domínios são registrados por qualquer pessoa física ou jurídica no Registro.br.

Fazendo isso, você poderá hospedar seu blog em um servidor usando o endereço escolhido. Por exemplo: blogdamaria.com.br

Porém, se outra pessoa registrar o domínio blogdamaria.com ou blogdamaria.net, por exemplo, você não poderá fazer nada para impedir que o nome do seu blog seja utilizado, porém em um domínio um pouco diferente.

No caso de você registrar a marca Blog da Maria, ela é de sua propriedade e por mais que outras pessoas comprem um domínio parecido com o seu, elas não poderão utilizar a sua marca.

No caso de utilização indevida, você pode entrar com processo judicial, pedindo a retirada do site do ar e ainda uma indenização pelos danos causados.

Como devo proceder para registrar a marca do meu blog?

O órgão responsável pelo registro de marcas no Brasil é o Instituto Nacional de Propriedade Industrial – INPI. Para realizar o registro da sua marca, você deverá reunir os dados e a documentação exigida pelo instituto e pagar uma taxa, que geralmente é menor para microempresas e pessoas físicas, como é o caso da maioria dos blogueiros.

Se você não é uma pessoa muito familiarizada com o meio jurídico, sugere-se a contratação de uma empresa especializada em registro de marcas.

Dessa forma, você terá a certeza de que tudo foi feito de forma correta e que não terá retrabalho, nem gastará muito dinheiro para ter o seu registro.

Tendo a marca de seu blog registrada, nenhuma outra pessoa ou empresa poderá utilizar o nome do blog, nem seu logotipo e elementos visuais.

Viu como é importante fazer o registro de marca do seu blog?

Se você não ligava muito para isso, está na hora de rever suas atitudes e evitar que seu trabalho seja perdido por causa de plágio.

Pense nisso não como um gasto, mas sim como um investimento para que sua lucratividade cresça sem riscos.

Ainda tem alguma dúvida sobre marca registrada? Deixe um comentário e responderemos o mais breve possível.

Esse texto foi escrito por Marcelo Schultes da Juris Labore.