atrair clientes

Como atrair clientes usando a tecnologia?

Quer aprender a atrair mais clientes usando a tecnologia a seu favor? Leia o nosso artigo e aumente consideravelmente as suas vendas!

Nos últimos anos, a internet tem mudado consideravelmente a forma como nos comunicamos e fazemos negócios. As estratégias de marketing ficaram mais baratas e eficientes, atingindo um público muito maior e em menos tempo.

Nesse cenário de transformação digital, atrair clientes se tornou uma tarefa que exige menos esforços, mas é preciso saber usar as tecnologias certas e de forma integrada para ter sucesso.

Pensando nisso, decidimos fazer um post listando as 7 principais tecnologias que você pode utilizar para atrair clientes. Todas elas são importantes e, juntas, podem formar um conjunto estratégico bem alinhado para o seu negócio. Ficou interessado? Então acompanhe!

1. Receba pagamentos em moedas virtuais

Com o aumento do comércio eletrônico, as transações de valores online se tornam cada vez mais importantes por agregar agilidade e simplicidade aos consumidores. Isso tem feito com que os meios e processos de pagamento online evoluíssem nos últimos anos, acompanhando o crescimento do setor.

Uma dessas evoluções foi o surgimento das moedas virtuais, também conhecidas por Bitcoins, que podem ser utilizadas para o pagamento de compras realizadas no ambiente online e também para fazer investimentos. Afinal, o Bitcoin, assim como o Dólar e outras moedas, é negociado em bolsa de valores.

Pegando carona nessa tendência, o seu negócio precisa ter um ou mais aplicativos e plataformas de pagamento que permitam receber as moedas virtuais. Isso vai ajudar a atrair um grupo específico de clientes que vem crescendo a largos passos.

2. Tenha um site otimizado e envolvente

Um site bem organizado, funcional e intuitivo é fundamental para atrair mais clientes. Você pode gerar uma experiência de usuário incrível com ele e deixar uma primeira impressão capaz de fidelizá-los.

Há muitas plataformas de construção de sites gratuitas que permitem a qualquer um, indivíduos e empresas, montarem seus próprios sites de forma rápida e fácil. Alguns exemplos são: Wix, Webnode e Site Grátis.

Essas plataformas oferecem uma grande variedade de modelos predefinidos de layouts (templates) para você escolher o que se encaixa melhor com o seu negócio. Além disso, entregam ferramentas e recursos de edição que ajudam na hora da personalização. Ambos também oferecem serviços de hospedagem, domínio, análise de dados e suporte online 24 horas.

Na hora de montar o site, pesquise seus concorrentes, principalmente os lideres do seu segmento para descobrir as melhores práticas do mercado e utilizá-las, de forma personalizada, no seu site. Isso inclui: posicionamentos de imagens, cores, textos, botões, inclusão de funcionalidades, etc.

3. Use a automação de marketing

A maioria das empresas em atividade na internet estão aderindo a ferramentas de automação de marketing. Elas ajudam a reduzir o esforço com tarefas manuais, otimizar as estratégias e te ajudar a vender mais em menos tempo e com o menor investimento. É uma forma de tornar o marketing digital mais eficiente e com ciclos mais acelerados.

Nesse caso, uma das ferramentas mais famosas e utilizadas no Brasil é o RD Station. Ela permite atrair e converter usuários em leads, além de qualificá-los no processo. Também facilita a interação e comunicação direta com eles, criando um caminho para guiá-los com maior facilidade até a compra.

Essa ferramenta funciona ainda melhor se for utilizada de maneira integrada com um bom software de CRM, que, aliás, discutiremos a seguir.

4. Use uma plataforma de CRM

Construir um relacionamento com os clientes é de vital importância para os negócios e uma das maneiras mais fáceis de acompanhar o que eles estão fazendo, quais são os problemas e desafios enfrentados no momento, desejos e sonhos que possuem atualmente, etc.

Isso será possível com uma ferramenta de gerenciamento de relacionamento com o cliente (CRM – Customer Relationship Management), já que ela registra todos os dados de interação com os clientes e transforma em informações que ajudam a potencializar as estratégias de marketing e vendas.

As melhores ferramentas de CRM combinam gerenciamento de projetos, vendas, faturamento, suporte e muitas outras funções em uma única plataforma, eliminando a necessidade de você alternar entre diferentes sistemas.

O CRM também permitem que você insira os contatos com as redes sociais dos clientes em um só lugar, facilitando o acompanhamento dos níveis de relacionamento estabelecidos com eles.

5. Use as mídias sociais

As redes sociais como Twitter, Facebook, Youtube e Instagram, passaram a desempenhar um papel fundamental na vida das pessoas e, mais recentemente, na vida dos empreendedores. A maioria das pessoas e empresas se concentram nesses ambientes online, facilitando a interação e comunicação centralizada.

Diversos recursos e ferramentas de campanhas publicitárias são disponibilizadas por essas redes sociais as empresas que, agora, têm um potencial incrível de alcance de público. E não é só isso. As empresas podem atrair um público mais segmentado, diminuindo o custo e melhorando o retorno dos investimentos em marketing digital.

Ainda não tem uma página da sua empresa nas redes sociais? Então, é bom começar logo, se quiser alavancar os resultados.

6. Faça análise de dados

Quanto mais utilizamos a internet para fazer negócios e nos comunicarmos, mais geramos dados. Mas não adianta só ter uma tecnologia de retenção. É preciso também contar com ferramentas capazes de analisarem os dados brutos, manipularem e agruparem eles adequadamente para entregar informações precisas.

Uma ferramenta gratuita para isso é o Google Analytics, que entrega recursos de análises de dados e gerenciamento das informações mais simples, podendo ser mais complexas e detalhistas se forem pagas.

7. Invista no móbile

Muitas empresas já possuem um site, mas isso não significa que o trabalho acabou. O uso de dispositivos móveis para acessar a internet é cada vez maior no Brasil e no exterior e, se a sua empresa não tiver um site com layout responsivo, ele não se adaptará as telas menores, perdendo grande parte de suas funcionalidades.

Para atrair mais clientes, preocupe-se com isso. Um site responsivo é capaz de se adaptar automaticamente aos variados tamanhos de telas (smartphones e tablets), deve ter botões maiores para facilitar o toque na tela, barras de rolagem somente no sentido vertical, etc.

Os consumidores agora têm acesso a mais informações sobre empresas, produtos e serviços do que nunca e, utilizando as tecnologias corretas, você pode usar isso a seu favor elaborando estratégias mais eficientes para atrair clientes, principalmente no ambiente online.

Gostou das dicas? Então, Conheça também o livro Dono: o guia definitivo para empreender com tecnologia no Brasil!