Como motivar equipe

4 dicas para animar a equipe da sua empresa

Dicas muito bacanas sobre como liderar uma equipe de forma eficiente.

Fundamental para um dia-a-dia mais eficaz

Nota do editor: Este post faz parte de uma parceria do Saia do Lugar com o site Exame. O conteúdo exibido aqui não é de nossa autoria. Exame.com

Mau humor, falta de vontade e desânimo. Quando o clima de uma pequena empresa é ruim esses sintomas aparecem e afetam não só os funcionários, mas também os consumidores. Em ambientes com poucos funcionários, cuidar bem do relacionamento é uma questão de sobrevivência para o negócio.

Para Adriana Gomes, coordenadora do núcleo de estudos em desenvolvimento de pessoas da pós-graduação da ESPM, mudar este cenário exige dedicação do empreendedor. “É difícil construir relacionamentos, porque as pessoas são muito cobradas com resultados e acham que o tempo conversando é perdido”, diz.

Segundo ela, são atitudes simples do cotidiano, como uma conversa atenta, que têm o poder de mudar este panorama. “As pequenas e médias empresas têm oportunidades melhores ainda de rever e otimizar processos, mas vai exigir do empresário não só conhecimento do negócio. Tem que começar a trabalhar bem com gente”, diz Adriana.

Para ajudar nesta tarefa, veja as dicas da especialista e melhore de vez o clima de trabalho na sua empresa.

Como motivar equipe

Equipe forte, empresa forte

1. Pronto para o feedback
Escutar. Este é o primeiro passo para desenvolver um bom relacionamento entre os funcionários. “A escuta ativa é realmente uma ferramenta importante. O feedback é um processo que exige autoconhecimento do gestor e o interesse dele com a equipe”, explica. Estabeleça um vínculo com seus colaboradores e aprenda a ouvir para saber o que na empresa pode ser melhorado.

Segundo Adriana, muitos empreendedores e executivos se dizem dispostos a ouvir, mas, quando a pessoa vai até eles, não dão a atenção que deveriam. “Os executivos ficam inconformados porque se acham abertos, mas ficam digitando enquanto a pessoa está ali falando. Tem de mostrar atenção. Não adianta aparentar interesse se não tiver de fato”, conta.

2. Ser pequeno ajuda
O objetivo de uma empresa é dar lucro. Por isso, a cobrança por resultados pode acabar ofuscando o desenvolvimento pessoal e comportamental. “É difícil construir relacionamentos, porque as pessoas são muito cobradas com resultados e acham que o tempo conversando é perdido. Mas, as pequenas empresas têm oportunidades melhores de rever e otimizar os processos”, explica. Aproveitar, portanto, que a empresa é menor é importante para melhorar o clima. “O pequeno empresário tem que começar a trabalhar bem com gente, porque tem linha de comunicação muito mais direta”, diz.

3. Comunique-se
Não basta aproveitar a proximidade com a equipe, é preciso estabelecer uma comunicação clara e objetiva. Para Adriana, a comunicação é essencial para construir um bom relacionamento. “Alguns empresários sofrem do mal da arrogância e por serem donos acham que não precisam aprender nada. Eles colocam os colaboradores em processos e se excluem. Quando o negócio começa a falhar, percebe que precisa se desenvolver como gestor de pessoas e não só de processos”, explica a professora. Seja com um mural ou com uma newsletter, é interessante manter um canal com os funcionários para alinhar objetivos e expectativas.

4. Negocie para resolver conflitos
Quando o clima já está em uma situação crítica, os conflitos começam a surgir. Neste momento, os empreendedores devem usar a negociação para resolver sem afetar negativamente a equipe. “Ninguém está livre de errar. A questão é o que você faz a partir do seu equívoco. Tenha humildade para reconhecer o seu erro e não empurre-o para todos”, explica.

Créditos da imagem: cjmartin

Para se aprofundar no tema, recomendamos o artigo Liderança: dicas para domínio pessoal e auto-conhecimento

Se quiser mais dicas de como gerenciar sua equipe no dia-a-dia, assine nosso RSS ou curta nossa página no Facebook.