Avanço na carreira5 filmes inspiradores para jovens empreendedores), acredito que uma boa análise é sempre bem-vinda.

">

10 frases que estão limitando seu desenvolvimento pessoal

Foi realizada uma pesquisa informal com conselheiros de carreira e eles as 10 piores frases para o seu desenvolvimento pessoal.

O artigo de hoje foi escrito por Jenna Goudreau no portal da Forbes.com

Seja lidando com clientes ou colegas ou chefes, a forma que você escolhe suas frases e posiciona sua mensagem faz muita diferença no jeito que as pessoas te enxergam. As palavras que você escolhe podem ser a diferença entre ser visto como um problema ou como uma solução.

“Palavras são muito importantes pois moldam não apenas como as pessoas te ouvem, mas também como elas se sentem sobre você”, diz Karen Friedman, autora especializada em comunicação no mundo dos negócios. “Se você gerar algum tipo de emoção positiva, isso fará com que as pessoas se importem e isso te deixará em uma posição muito favorável”.

Porém, é normal vermos a comunicação no mundos dos negócios é cheia de palavras de preenchimento (hum, ah, huh, veja bem) que bagunçam a mensagem, qualificadores (tipo, geralmente, na maioria das vezes) que diminuem a autoridade e palavras negativas (não pode, impossível, nunca) que são desencorajadoras e improdutivas.

Foi realizada uma pesquisa informal com especialistas em comunicação e conselheiros de carreira e eles escolheram essas como as 10 piores frases para o seu desenvolvimento pessoal.

A importância de uma boa comunicação para o desenvolvimento pessoal

Comunicação pode fazer toda a diferença no seu desenvolvimento pessoal

1. “Essa não é minha função”

“Essa frase caracteriza o que você não pode fazer, ao invés das suas possibilidades”, diz Friedman. “Ela te mostra como um mau membro do time”. Além disso, ela destrói características importantes como flexibilidade e vontade de aprender algo novo, que são essenciais para um líder.

Ao invés disso, uma abordagem mais positiva é “Isso não está na minha área de conhecimento. Vamos ver quem pode te ajudar melhor nesse ponto“.

2. “Eu acho”

Lorrie Thomas Ross, chefe da consultoria Web Marketing Therapy, chama essa e outras frases do tipo (“Eu acredito” e “Eu sinto”) de “frases de suavização”. Elas questionam a sua autoridade e reduzem o poder da mensagem. O argumento “Eu acho que essa é a melhor estratégia” é bem mais fraco que “Essa é a melhor estratégia”.

Da mesma forma, elimine prefixos como “Gostaria de” e “Quero”. Ao invés de dizer “Gostaria de te agradecer“, simplesmente diga “Obrigado“.

3. “Eu não sei”

“Você acha que está sendo honesto, mas na verdade é uma armadilha”, diz Henry Devries, autor de livros sobre carreiras. “Essa frase pode ser vista como preguiça e má vontade para achar o próximo passo”.

Ao invés disso, diga “Deixe-me descobrir a resposta“. De forma similar, “Não sei como fazer isso” pode ser passado como “Como eu posso aprender a fazer isso?“. Mais uma vez, o importante é mostrar que você está a caminho da solução.

4. “Eu não posso”

Mais uma vez, essa frase sugere uma rigidez e falta de vontade de ser útil e entregar soluções. “Você precisa mostrar para as pessoas que está pronto para aprender e superar novos desafios”, diz Josh Tolan, executivo da plataforma Spark Hire.

Ao invés de falar “Eu não posso“, aponte seu entendimento do problema e sugira outra saída. Por exemplo, se te pedirem para apresentar um projeto em um horário que você já tem compromisso, diga “Infelizmente já tenho compromisso nesse horário. Porém, Sarah está trabalhando comigo e seria ótima apresentando“.

5. “Mas…”

“Usar a palavra ‘mas’ nega o que você falou antes”, diz Devries. Enquanto você pode ter uma boa intenção, falar “Essa blusa está boa em você, mas o brinco não combina” não pega bem. O ser humano está condicionado a ouvir a parte negativa.

Em boa parte das vezes, a palavra “mas” pode ser substituída por “e“, o que ameniza a mensagem.

6. “Essa ideia não é boa”

A consultora Nancy Mobley diz que criticar rapidamente ideias faz com que as pessoas da equipe se sintam menos confortáveis para compartilhar pensamentos e opiniões, o que pode derrubar a criatividade e a inovação.

“Algumas das melhores ideias podem ser derrubadas precocemente se você não ouvir até o fim e analisar por outros pontos de vista”, ela diz. Ao invés de derrubar a ideia de cara, pergunte “Como você enxerga isso funcionando?“.

7. “Vou tentar”

A palavra “tentar” indica a possibilidade de que algo pode não ser entregue. Ela pressupõe a possibilidade de falha.

Se alguém te pede uma proposta com urgência e a resposta é “Vou tentar“, você está se botando para baixo e gerando dúvidas na cabeça da outra pessoa.

Ao invés disso, diga “Te mandarei no horário“. Você não tem ideia do quanto uma postura confiante pode te fazer entregar as coisas no prazo.

8. “Não foi minha culpa”

Essa frase é encarada como defensiva. Se alguém te pergunta o que aconteceu errado, não necessariamente estão te culpando, então falar isso imediatamente é uma forma de chamar atenção desnecessária.

Ao invés disso, tenha uma postura mais madura e resolva o problema. Diga “Deixa eu entender o que aconteceu“, ou “Vamos descobrir como evitar que isso aconteça de novo“.

9. “Eu suponho”

Esse é um típico qualificador, que as pessoas usam para diminuir seus riscos de estarem falando besteira. Porém, os especialistas recomendam evitar linguagem que representa tentativa e reflete falta de confiança. Apague esse tipo de palavra do seu vocabulário.

Se algo te deixa na dúvida, ao invés de falar sem confiança, pare um pouco e pense melhor na resposta antes de falá-la.

10. “Isso é impossível”

Da mesma forma que falar “Eu não consigo“, “Isso é impossível” é extremamente negativo. Isso significa que você não está nem disposto a tentar.

Negatividade é contagiosa e se espalha como um vírus. Para manter as coisas positivas, diga “Vamos avaliar outras formas de resolver isso“.

Nota do editor: Um ponto importante de destacar é que falar essas frases uma vez ou outra não é o fim do mundo. O importante é tentar entender o pensamento que cada uma delas representa e, aos poucos, adaptar a maneira de se comunicar para passar mais confiança e, consequentemente, fortalecer o seu desenvolvimento pessoal.

Lembre-se, como diria o velho Chacrinha “Quem não se comunica, se trumbica“.

Se você quer entender melhor como ter uma postura mais confiante e direta ao ponto, recomendo conferir o artigo 11 dicas para um comportamento mais assertivo.

Obs.: Créditos das imagens Shutterstock

  • Interessante e revelador. Essa lista está bem completa e interessante.
    As vezes essas limitações são sem querer, é claro. Foi citado no fim do artigo.
    Mas sempre podemos melhorar nosso interior, e assim fornecer o melhor para quem interage com nosso exterior.

    Que venham outros bons artigos

  • maria

    aprender e evoluir.